Na mira do Fortaleza, Edinho encaminha transferência para time da Coreia do Sul

O Atlético-MG já havia manifestado interesse em negociar Edinho

Edinho Fortaleza
Legenda: Edinho jogou pelo Fortaleza em 2019
Foto: Thiago Gadelha

O desejo do torcedor do Fortaleza de contar com o meia-atacante Edinho na temporada 2020, provavelmente, não se concretizará. O Diário do Nordeste apurou que o atleta deverá defender o Daejeon Hana Citizen, time da Coreia do Sul, o mesmo que recentemente contratou o atacante André Luis, que também estava no Tricolor em 2019.

A proposta é de transferência por empréstimo, com duração de um ano. Entretanto, o clube coreano terá prioridade de compra do jogador, com preço fixado em cerca de 2 milhões de dólares (aproximadamente R$ 10 milhões na cotação atual) ao fim do empréstimo do atleta, que tem vínculo com o Galo até o fim de 2023.

O Fortaleza nunca escondeu o interesse em contar com o jogador e sempre manteve as conversas para contratar Edinho. Porém, pela atual crise do coronavírus, uma composição de negócio ficou difícil ao Tricolor, sobretudo em concorrência com o exterior, pela valorização atual do dólar. Mesmo assim, o Diário do Nordeste apurou que, nos bastidores, o Leão do Pici ainda monitora a situação do meia-atacante.

Edinho estava totalmente fora dos planos do Atlético antes mesmo da chegada do técnico Jorge Sampaoli. Nos cinco jogos que realizou nesta temporada, não marcou nenhum gol. Com o técnico argentino, o cearense de 25 anos acabou perdendo ainda mais espaço.

Em 2019, Edinho jogou pelo Fortaleza e foi um dos principais jogadores do time na Série A do Campeonato Brasileiro. No último ano, atuou 51 vezes e marcou oito gols, se sagrando campeão do Campeonato Cearense e da Copa do Nordeste.

Você tem interesse em receber mais conteúdo de esporte?


Tom Barros 23 de Setembro de 2020