Mr. Olympia 2021: veja resultados; Brasil tem melhor participação na história

Evento contou com competições masculinas e femininas

Francielle Mattos venceu em uma das categorias
Legenda: Francielle Mattos venceu em uma das categorias
Foto: Divulgação

O "Mr. Olympia 2021" é a maior competição de fisiculturismo do mundo. Nesta sexta-feira (8), começou a 57ª edição em Orlando (EUA). A programação foi finalizada na noite de sábado (9). Anualmente, o evento é organizado pela International Federation of BodyBuilding & Fitness (IFBB). O concurso é realizado desde 1965.

E o Brasil foi muito bem no evento. Destaque para a categoria Wellness, que teve as brasileiras Francielle Mattos na primeira posição, Ângela Borges na segunda, Isabelle Nunes na terceira e Júlia Chitarra na quinta.

Outras brasileiras também foram destaque. Natália Coelho foi vice-campeã da Women's Physique e Elisa Pecini quinta colocada da categoria Bikini.

‎Para se qualificarem na competição, os participantes cumpriram os requisitos estabelecidos pela Liga Profissional do IFBB. Ao todo, ‎16 homens de oito países se classificaram para o evento "Mr. Olympia", enquanto 16 mulheres de sete países se classificaram para o evento "Ms. Olympia".‎

Na categoria mais tradicional do Mr. Olympia, o Open Bodybuilding,  o campeão foi, mais uma vez, o egípcio Mamdouh Elssbiay, também conhecido como Big Ramy. 

Mamdouh Elssbiay, ganhador da edição 2020
Legenda: Mamdouh Elssbiay, ganhador da edição 2020
Foto: Reprodução/Instagram

Qual o prêmio para o vencedor?

‎O vencedor que passar pelas 11 etapas ganha o prêmio de US$ 1,6 milhão, considerado o maior da história da competição.

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte

Assuntos Relacionados