Fortaleza Basquete Cearense define Flávio Espiga como técnico e Alberto Bial de coordenador

O clube se movimenta no mercado com foco na temporada 2022-2023 do NBB

Alberto Bial comemora vitória do Fortaleza
Legenda: Alberto Bial é um dos líderes do projeto do Basquete Cearense
Foto: divulgação / Fortaleza

O Fortaleza Basquete Cearense anunciou as primeiras mudanças para a temporada 2022-2023 do Novo Basquete Brasil (NBB). Com a manutenção da parceria entre as instituições, o clube mudou peças na comissão técnica e tem previsão de início das atividades durante o mês de agosto.

A principal alteração foi a transferência de Alberto Bial do cargo de treinador para coordenador técnico. O profissional, que liderou o projeto por oito temporadas com atuação à beira da quadra, agora terá participação no setor técnico e institucional. Assim, segue na equipe do Carcará.

Montagem com foto de Flávio Espiga, do Basquete Cearense
Legenda: Flávio Espiga foi campeão da LDB com o Sub-22 do Basquete Cearense em 2015
Foto: divulgação / Fortaleza

O novo comandante será Flávio Espiga, assistente técnico do Basquete Cearense por sete temporadas e Head Coach da equipe Sub-22, campeã invicta da Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB), em 2015. No cargo, tem experiência no comando do Minas Tênis Clube.

A previsão de início do NBB 2022-2023 começa em outubro. Na última competição, ficou em 14º de 17 participantes, com apenas 10 vitórias e 22 derrotas em 32 rodadas. O campeão foi o Franca-SP.

 
Quero receber conteúdos exclusivos de esporte