Chineses ajudam Maduro a manter esquadrilha no ar

A força aérea venezuelana conta com 23 jatos Karakorum, comprados da China, equipados com lança bombas e disparador de foguetes e mísseis