Quem tomou a Janssen vai receber a segunda dose da vacina contra a Covid-19, diz Queiroga

As informações foram divulgadas em coletiva na manhã desta terça-feira (16)

Frascos da vacina
Legenda: O imunizante foi aplicado em dose única no Brasil. No entanto, a nova recomendação é tomar a segunda dose, segundo o Ministério da Saúde
Foto: Patrick T. FALLON / AFP

As pessoas que tomaram a vacina contra a Covid-19 da farmacêutica Janssen receberão a segunda dose (D2) do mesmo imunizante após dois meses da primeira aplicação, segundo o ministro Marcelo Queiroga. Até então, o esquema de vacinação deste imunobiológico era em dose única.

De acordo com o Ministério da Saúde, a distribuição destas vacinas para esse público e a logística serão definidas a partir da próxima sexta-feira (19). As informações foram divulgadas em coletiva nesta manhã. 

Na manhã desta terça-feira (16), foi comunicada a ampliação da dose de reforço aos adultos de 18 a 59 anos. Atualmente, apenas idosos, imunossuprimidos e profissionais de saúde recebiam a dose adicional.

No caso das pessoas que tomaram a dose única (Janssen), receberão a segunda dose do mesmo imunizante. Somente após os cinco meses da D2, ocorrerá o reforço desta vacina, preferencialmente, com a Pfizer. 

No Ceará, 164.432 pessoas receberam dose única da Janssen, segundo o Vacinômetro, atualizado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa), no último dia 11 de novembro. 
 

Telegram

Antes de ir, que tal se atualizar com as notícias mais importantes do dia? Acesse o Telegram do DN e acompanhe o que está acontecendo no Brasil e no mundo com apenas um clique: https://t.me/diario_do_nordeste

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil