Criança se recusa a tirar máscara para foto da escola e recebe R$ 180 mil como 'prêmio' nos EUA

O menino explicou estar obedecendo à ordem da mãe, que falou para ele só ficar sem a proteção facial na hora de comer, quando não tivesse ninguém por perto

Criança se recusa a tirar máscara na hora da foto da escola e recebe R$ 180 mil como 'prêmio' pela boa conduta nos EUA
Legenda: Nas redes sociais, a mãe do estudante postou a imagem e reproduziu na legenda o diálogo do filho e do profissional
Foto: Reprodução / Redes sociais

Uma criança de seis anos ganhou R$ 180 mil como "prêmio" de boa conduta após ter se recusado a tirar a máscara de proteção facial durante a foto da escola onde estuda, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos. As informações são do G1.

Na ocasião, o fotógrafo que estava fazendo o registro de outros estudantes do colégio disse a Mason Peoples que ele tirasse a máscara. 

"Minha mamãe falou para eu ficar o tempo todo de máscara e só tirar na hora de comer, quando não tiver ninguém por perto", respondeu o menino.

O fotógrafo insistiu: "mas tenho certeza de que será ok tirar só para a foto". "Não, mas minha mãe falou muito sério. Não posso", afirmou a criança.

Depois, o fotógrafo perguntou: "Nem por 2 segundinhos?". "Não, obrigado, eu sempre ouço minha mamãe", enfatizou Mason Peoples. O fotógrafo, então, compreendeu: "ok, então. Diga 'queijo'".

Orgulho

Nas redes sociais, a mãe do estudante postou a imagem e reproduziu na legenda o diálogo do filho e do profissional.

"Estou tão orgulhosa por ter cumprido sua palavra, mas eu deveria ter sido mais clara sobre as regras desse dia [da foto]", brincou.

'Vaquinha' online

A publicação da foto da criança viralizou na internet, e ele ficou conhecido como referência infantil no cumprimento dos protocolos sanitários de prevenção da Covid-19.

Nos comentários, algumas pessoas perguntaram à mãe do menino se poderiam doar dinheiro para ele ser recompensado pela boa conduta.

Como foram muitos pedidos, ela fez uma "vaquinha" online para pagar futuramente a faculdade do filho. Até este domingo (3), 1.600 pessoas doaram mais de 33 mil dólares (cerca de R$ 180 mil).

"Ele está tão feliz de ver que ficaram orgulhosos de sua atitude", externou a mãe.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo

Assuntos Relacionados