Governador Flávio Dino suspende aulas presenciais no Maranhão

A ação foi anunciada pelo gestor nesta quarta-feira (3) em conjunto com um novo decreto de medidas de combate a pandemia da Covid-19 no Estado

Governador do Maranhão Flávio Dino em reunião do Estado com prefeitos, chefes dos Poderes Judiciário e Legislativo, a direção do HUUFMA e a Federação dos Municípios
Legenda: Nova determinação prevê a proibição da realização de festas, de shows e de eventos no Estado
Foto: Gilson Teixeira

O governador do Maranhão, Flávio Dino, anunciou, nesta quarta-feira (3), novas medidas de combate à pandemia de Covid-19 no estado. As ações possuem validade de dez dias e preveem, entre outras determinações, a suspensão das atividades presenciais em instituições de ensino. 

Novas medidas sanitárias

Com validade a partir desta sexta-feira (5), seguindo até o dia 14 de março, o novo decreto estabelece as seguintes medidas:   

  • suspensão de festas, shows e eventos; 
  • funcionamento dos estabelecimentos comerciais da Ilha de São Luís das 9h às 21h; 
  • suspensão das aulas presenciais em escolas e universidade públicas e privadas;
  • ampliação da frota de ônibus administrada pelo Governo do Estado; 
  • suspensão de atividades presenciais em serviços públicos estaduais, com exceção para os da categoria de essenciais;  
  • afastamento do grupo de risco, inclusive no serviço privado;  
  • lançamento de edital com mil vagas para artistas;  
  • aumento do rigor nas fiscalizações;  
  • envio de novas doses de vacina contra Covid-19 apenas para municípios que comprovarem que 60% das já recebidas foram aplicadas. 

Descumprimento

Em caso de desrespeito às ações, as autoridades competentes devem apurar as infrações e aplicar as seguintes sanções:

  • advertência;
  • multa, no valor de R$ 2 mil a R$ 1 .500.000, de acordo com a gravidade da infração e a capacidade econômica do infrator;
  • interdição parcial ou total do estabelecimento.

Impacto no setor cultural

Com intuito de amenizar as consequências da suspensão da realização de atividades no setor de eventos, Dino estabeleceu o laçamento de um edital de auxílio para artistas. Previsto para ter mil vagas, a seleção pagará uma remuneração de R$ 1.500 para cada apresentação. As inscrições poderão ser feitas a partir de 10 de março. As informações são do portal G1.

Agravamento da pandemia

No pronunciamento, segundo o portal, Flávio Dino ainda destacou que as novas ações sanitárias adotadas são resultados de uma série de reuniões com vários segmentos institucionais e sociais, visando a análise do quadro sanitário no Estado. O governador ressaltou que o Brasil enfrenta o seu pior quadro desde o início da pandemia e que o Maranhão registrou um crescimento de casos ativos.


“Não é tempo de festas. Mesmo que você não tenha medo do coronavírus, respeite quem tem. Mesmo que você já tenha tido o coronavírus, saiba que você pode ter de novo e pode ser mais grave. Pessoas da sua família podem morrer”, ressaltou Dino.