Chegada de Gabriel Santos reforça aposta do Ceará em revelar atletas das Séries C e D; veja nomes

O clube conseguiu bons frutos das demais divisões do Campeonato Brasileiro e garantiu receitas com vendas

Gabriel Santos em atividade pelo Ceará
Legenda: Gabriel Santos era o artilheiro da Série D com 13 gols pela Caldense/MG
Foto: Felipe Santos / CSC

O último reforço do Ceará para a temporada de 2021 foi o atacante Gabriel Santos. Com 22 anos, chega por empréstimo até maio de 2022 e o status de artilheiro da Série D do Brasileiro pela Caldense-MG. O movimento parece alternativo ao mercado, mas faz parte de uma aposta de êxito da atual gestão, consolidando com acertos importantes nos últimos anos.

O olhar para as demais divisões envolve a contratação de atletas com potencial, baixo custo e possibilidade de evolução. Assim, a diretoria alinha o resultado esportivo e o financeiro.

Saulo comemora gol apontando para a cabeça
Legenda: O atacante Saulo foi vendido pelo Ceará ao Yokohama, do Japão
Foto: Thiago Gadelha / SVM

No cenário recente, o atacante Saulo Mineiro foi a “descoberta” do departamento de futebol. Com apoio da plataforma Footure, o clube buscou o atleta no Volta Redonda-RJ, concedeu espaço no plantel de Aspirantes, e o transformou em um dos protagonistas no elenco principal.

Em julho, fez a venda por 1,5 milhão de dólares para o Yokohama, do Japão. Aos cofres alvinegros, rendeu cerca de R$ 7,1 mi em acordo com divisão dos direitos econômicos. E nas principais competições do ano vigente, se despediu do Vovô com oito gols em 32 jogos.

Reforços recentes que estavam nas Séries C e D:

  • GOL - Éverson: contratado junto ao Confiança-SE (Série C) em 2015
  • ZAG - Valdo: contratado junto ao Confiança-SE (Série C) em 2016
  • VOL - Richardson: contratado junto ao Confiança-SE (Série C) em 2015
  • ATA - Saulo Mineiro: contratado junto ao Volta Redonda-RJ (Série C) em 2020
  • ATA - Juninho Quixadá: contratado junto ao Ferroviário (Série D) em 2018
  • ATA - Gabriel Santos: contratado junto a Caldense-MG (Série D) em 2021

Valdo em ação durante treino do Ceará
Legenda: Valdo chegou ao Ceará em 2016 e somou mais de 100 jogos com a camisa alvinegra
Foto: Camila Lima / SVM

O cenário está longe de ser a única alternativa, mas o índice positivo permite a continuidade da aposta, atrelado aos mecanismos financeiros para contratações do exterior, ao uso das categorias de base e também ao investimento em atletas com baixa faixa etária, como o atacante Erick.

O detalhe envolvendo as contratações é que a maioria se destacou e saiu como uma venda, rendendo milhões ao time. Em processo de expansão contínuo, com permanência na Série A, as receitas foram importantes para o projeto atual do clube.

Receita com a venda de reforços das Séries C e D:

  • GOL - Éverson: vendido ao Santos por R$ 4 milhões em 2019
  • ZAG - Valdo: vendido ao Shimizu S-Pulse, do Japão, por R$ 3,4 milhões em 2019
  • VOL - Richardson: vendido ao Kashiwa Reysol, do Japão, por R$ 5 milhões em 2019
  • ATA - Saulo Mineiro: vendido ao Yokohama, do Japão, por 7,8 milhões em 2021

Éverson faz sinal da torcida em jogo do Ceará
Legenda: O goleiro Éverson foi contratado pelo Ceará junto do Confiança-SE e se tornou um destaque defensivo
Foto: Thiago Gadelha / SVM

O contexto oferece maior respaldo na chegada de Gabriel Santos. O atleta precisa ganhar a confiança do técnico Tiago Nunes para atuar, mas irá receber a confiança e o processo de adaptação necessário para evoluir como jogador. No fim, pode ser mais um dos acertos do Vovô.