Ceará tem melhor início na Série A desde o retorno em 2018; veja 5 pontos que explicam resultados

O Vovô registra 50% de aproveitamento e ocupa 7ª posição na tabela, com 18 pontos

Atletas do Ceará comemoram gol na Arena Castelão
Legenda: O atacante Wendson garantiu a vitória alvinegra contra o Athletico-PR, na 12ª rodada da Série A
Foto: Kid Júnior / SVM

O Ceará tem campanha consistente na Série A do Brasileiro de 2021. Após 12 rodadas, o time registra 50% de aproveitamento e ocupa 7ª posição na tabela, com 18 pontos. No recorte de partidas, melhor pontuação da história do clube na era dos pontos corridos desde o retorno para a 1ª divisão nacional em 2018.

Com oito partidas de invencibilidade, pode não oferecer o "futebol mais vistoso", mas entrega o resultado. Em duelos de equilíbrio, consegue pontuar ao término dos 90 minutos e isso o garante cada vez mais longe da zona de rebaixamento.

Ceará desde o retorno para Série A

  • 2018: Pontuação após 12 jogos (05) | Rodada em que atingiu/superou 15 pontos (18º)
  • 2019: Pontuação após 12 jogos (14) | Rodada em que atingiu/superou 15 pontos (17º)
  • 2020: Pontuação após 12 jogos (14) | Rodada em que atingiu/superou 15 pontos (14º)
  • 2021: Pontuação após 12 jogos (18) | Rodada em que atingiu/superou 15 pontos (11º)

No trabalho mais longevo da 1ª divisão, sob comando do técnico Guto Ferreira, o Vovô pode buscar nova vaga em torneio internacional, apesar dos desafios para montagem do elenco atual. Assim, listo cinco pontos positivos da equipe cearense.

Alta competitividade

O Ceará pontuou em 10 das 12 rodadas que disputou no Brasileirão. Das 20 equipes na tabela, é uma da sete com saldo de gols positivo (+2). Dentro das limitações, consegue ser competitivo e regular, elementos fundamentais para a disputa da elite nacional.

Lima comemora gol com braços abertos
Legenda: Com gols e assistências, Lima é um dos destaques do Ceará na Série A
Foto: Thiago Gadelha / SVM

Fator casa

O Ceará somou 13 dos 18 pontos em casa. Hoje, é o 4º melhor mandante do Brasileirão com aproveitamento de 72,2%. Desafio de ser um visitante mais ousado é histórico, mas o time tem no Castelão um trunfo: quatro vitórias, um empate e uma derrota.

Atletas de Ceará e Grêmio disputam bola
Legenda: Formado na base do Ceará, o atacante Rick ganhou chance como titular na temporada de 2021
Foto: Felipe Santos / CSC

Pratas da base

As categorias de base e o processo campeão do Brasileiro de Aspirantes devem ser ressaltados no atual momento. Nomes como o lateral Buiú, o atacante Rick e o zagueiro Lacerda assumiram responsabilidades e foram decisivos em vitórias recentes.

Lacerda comemora gol pelo Ceará
Legenda: O zagueiro Lacerda se consolidou no time principal e marcou dois gols na Série A
Foto: Kid Júnior / SVM

Protagonista alternativo

Com alto investimento no início do ano, reforços de menor repercussão se destacaram em momento chave. Marlon assumiu posto de volante, o 3º goleiro Vinícius Machado foi acionado, além de apostas como Wendson, herói contra o Athletico-PR.

Marlon sobe para cabecear e ultrapassa marcação do Athletico-PR
Legenda: Marlon ganhou espaço no elenco do Ceará com o avanço da temporada
Foto: Kid Júnior / SVM

Guto Ferreira

Alvo de críticas por parte da torcida, o técnico tem méritos ao extrair resultados mesmo com as seguidas baixas do elenco por suspensão, lesão ou negociação. Com o que tem disponível, acha soluções pontuais a cada jogo e segue pontuando.

Atletas do Ceará comemoram gol abraços com Guto
Legenda: Guto Ferreira realiza o trabalho mais longevo da Série A do Brasileiro no Ceará
Foto: Felipe Santos / CSC