Rafael Sóbis diz que abandonará o futebol quando se aposentar: "é muito sujo, as pessoas são ruins"

O atacante Rafael Sóbis, hoje no Ceará, disse ainda que não deverá encerrar a carreira no Internacional

Legenda: Rafael Sóbis é o artilheiro do Ceará em 2020, com cinco gols
Foto: Foto: Thiago Gadelha / SVM

Experiente, vitorioso e com uma carreira repleta de títulos. O atacante Rafael Sóbis, do Ceará, é referência no futebol brasileiro. Aos 34 anos, mantém os cuidados e prova que está em ótima forma. Aposentadoria não é algo que o camisa 11 do Alvinegro pensa no momento, mas uma coisa está certa: Rafael Sóbis abandonará o futebol quando se aposentar.

O atleta afirmou que não pretende seguir carreira como treinador ou em qualquer outra área do esporte quando pendurar as chuteiras.

"Estou me preparando há anos para ter o meu retiro. Não pretendo trabalhar no futebol. É muito sujo, as pessoas são ruins. Não vou querer nem passar perto de um estádio de futebol", disse Sóbis, em entrevista à Rádio Grenal, de Porto Alegre, na terça-feira (26), revelando ainda mágoa com o Internacional, seu ex-clube.

"Eu confesso que estou bem alheio (sobre o Inter), até em questão de internet. A minha última saída foi bem difícil para mim, até pela maneira como foi. É página virada na minha vida. Não sei com qual camisa vou encerrar minha carreira, mas não vai ser com a do Inter".

O atacante falou ainda sobre a chance de volta do futebol. 

"No nosso país é mais complicado. Pelas dimensões e pelo entendimento bem diferente do vírus, temos visto isso nas notícias e na TV. É difícil ter uma opinião cravada sobre isso. Nós temos que respeitar os governantes. Muitas vezes não concordamos. Mas eles são maiores e devemos respeitar".

Sóbis tem sido peça importante no Ceará em 2020. Tanto que é o artilheiro do Alvinegro na temporada, com 5 gols marcados, e já contribuiu com duas assistências.

"Até a parada, nosso time estava em um crescimento absurdo. No início, apesar dos resultados, vínhamos tendo algumas dificuldades, porque eram muitas novas contratações. Depois, vínhamos encaixando, mas parou e nosso treinador foi pro Cruzeiro".