Fortaleza tem oito atletas do elenco com mais de 100 jogos no profissional do clube; veja lista

A experiência dos jogadores é um dos trunfos para a sequência da temporada de 2021

O volante Felipe foi um dos titulares absolutos do Fortaleza nos últimos anos
Legenda: O volante Felipe foi um dos titulares absolutos do Fortaleza nos últimos anos
Foto: JL Rosa / SVM

O Fortaleza possui um elenco experiente e que foi moldado nas últimas temporadas pela atual gestão. Apesar da reformulação em 2021, o time manteve nomes formados na própria base e renovou com destaques. Hoje, oito atletas somam mais de 100 jogos pelo profissional.

O líder é o volante Felipe, com 223 partidas. Com carreira iniciada no Maranguape, participa do plantel principal tricolor desde 2015 com acúmulo de títulos estaduais, uma Copa do Nordeste e acessos às Séries A e B do Brasileiro.

Legenda: Tinga é importante no esquema do Fortaleza nas partes ofensiva e defensiva
Foto: Camila Lima / SVM

A lista é completa pelo lateral Tinga, com 177. O gaúcho teve uma primeira experiência em 2015 e retornou em definitivo três anos depois. A sequência tem o lateral Bruno Melo (175), atacantes Osvaldo (167) e Romarinho (136), goleiros Felipe Alves (117) e Boeck (116) e o centroavante Wellington Paulista (115).

Atletas com mais de 100 jogos no elenco atual do Fortaleza

  1. Felipe: 223 jogos | 2021 (9), 2020 (49), 2019 (46), 2018 (42), 2017 (32), 2016 (40) e 2015 (5).
  2. Tinga: 177 jogos | 2021 (12), 2020 (43), 2019 (43), 2018 (49) e 2015 (30).
  3. Bruno Melo: 175 jogos | 2021 (12), 2020 (41), 2019 (25), 2018 (44), 2017 (34), 2016 (12) e 2015 (7).
  4. Osvaldo: 167 jogos | 2021 (14), 2020 (54), 2019 (46), 2018 (14), 2008 (29), 2007 (7) e 2006 (3).
  5. Romarinho: 136 jogos | 2021 (11), 2020 (57), 2019 (54) e 2018 (14)
  6. Felipe Alves: 117 jogos | 2021 (17), 2020 (57), 2019 (43).
  7. Boeck: 116 jogos | 2021 (2), 2020 (1), 2019 (21), 2018 (48) e 2017 (44).
  8. Wellington Paulista: 115 jogos | 2021 (17), 2020 (54), 2019 (44).

Experiência

O processo de maturação do jogador e o tempo de clube são fatores importantes para o departamento de futebol e facilitam a adaptação, seja da comissão técnica ou de novos reforços. A ascensão no cenário nacional, com investimentos, também permitiu a manutenção dos jogadores.

Boeck olha para bola em treino do Fortaleza
Legenda: O goleiro Marcelo Boeck é um dos atletas mais experientes do Fortaleza
Foto: Leonardo Moreira / Fortaleza

Assim, a diretoria conseguiu formar um grupo vitorioso no intervalo recente. Sem a maior necessidade de empréstimos, os vínculos mais longos permitiram a consolidação no clube e a participação de títulos relevantes, como o bicampeonato estadual entre 2019 e 2020.

A expectativa é que os jogadores mais experientes sejam relacionados para o Clássico-Rei na final do Campeonato Cearense neste domingo (23). A bola rola às 17h, na Arena Castelão, e o time leonino tem a vantagem do empate para se sagrar campeão.

 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte