Ferroviário empata em 2 a 2 com Confiança no PV e dá adeus ao sonho do acesso

Tubarão da Barra chegou a abrir 2 a 0 mas permitiu o empate do Dragão no segundo tempo. Foi o 7º jogo seguido sem vitória do time coral

Legenda: O Tubarão da Barra continua na Série C em 2020
Foto: Foto: Camila Lima

O Ferroviário está fora da próxima fase da Série C. Neste sábado (23), no Presidente Vargas, o time coral empatou em 2 a 2 com Confiança pela 18ª rodada no Grupo A da terceira divisão nacional. Com o resultado, o time de Aracaju passou para as quartas de final da competição, ficando com 26 pontos, um à frente da equipe cearense, que ficou na 5ª posição.

O jogo 

Na primeira etapa, o Confiança começou melhor. O técnico Daniel Paulista escalou o time em um 4-1-4-1 bem fechado e que pressionou bastante. Tito no comando do ataque tinha o apoio de Ítalo e de Ari Moura, que abusaram das pontas. O time visitante não permitia o Ferrão trocar passes, dominando boa parte do tempo inicial.

Quando o Tubarão da Barra encaixou a marcação pelo meio, tudo mudou. Conseguiu antecipar os lances e avançar as linhas, com Janeudo e Hiltinho se apresentando bem pelo meio. Lucas Mendes e Zeca deram amplitude pelos flancos, criando boas oportunidades com lançamentos. 

Em uma dessas bolas longas, Lucas Mendes achou Janeudo na área. Mesmo marcado, o meia girou e chutou para o fundo das redes aos 32 minutos, garantindo a vantagem no marcador para o time da casa. Após o gol, o Dragão Azulino não conseguiu implantar o mesmo ritmo, aceitando a marcação coral. A equipe de Marcelo Veiga se organizou em um 4-2-3-1 com Hiltinho se destacando pela faixa central enquanto Janeudo flutuou bastante pela direita.

Legenda: Ferrão começou o segundo tempo com a classificação em mãos
Foto: Foto: Camila Lima

No segundo tempo, o Ferrão começou da mesma forma que terminou o primeiro: pressionando. Em escanteio cobrado por Lucas Mendes, Mazinho subiu alto para ampliar o marcador com 1 minuto. Faltava pouco para o sonho do avanço se concretizar.

Aos 10 minutos, Italo fez grande jogada pela esquerda e achou Ari Moura pela direita, que cabecou para trazer o Dragão Azulino de volta à partida. O empate classificava o time de Aracaju, que se lançou ao ataque para buscá-lo. E aos 19 minutos ele veio. Em escanteio, o zagueiro Anderson disputou com o goleiro Nicolas, que saiu mal da meta, e igualou o marcador no PV.

Legenda: Cariús perdeu duas grandes chances na segunda etapa
Foto: Foto: Camila Lima

O resultado tirava a classificação do Tubarão da Barra, que lançou Caxito em campo para reagir. Porém, o atacante saiu de campo por conta de um corte na cabeça em pouco mais de 20 minutos. O nervosismo atrapalhou a criatividade coral, que não tinha mais em Janeudo e em Hiltinho os cérebros que puxavam a partida pelo meio. 

Com o avanço garantido, os atletas do Dragão começaram a cair em campo para esfriar o ritmo do time da casa. Restando poucos minutos para buscar o gol, o Ferrão não conseguiu encaixar passes e cedeu novamente na Série C. "Infelizmente, o futebol tem dessas coisas", disse Janeudo no campo ao fim do jogo.

Legenda: O Dragão Azulino tentou ganhar tempo no fim do jogo para garantir o empate e a classificação, enquanto o Tubarão pouco fez para reagir
Foto: Foto: Camila Lima

A melhor classificação do Ferroviário na Série C havia sido em 2006, quando também ficou em 5º lugar, chegando perto da classificação. As datas para as quartas de final da terceirona ainda serão definidas. No Grupo A, Náutico, Sampaio Corrêa e Imperatriz se juntam ao Confiança na fase final da competição. Neste domingo (25), o Grupo B define o restante, com Juventude, Remo e Paysandu brigando pela liderança.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte