Comitê Olímpico antecipa final do surfe por risco de tufão na costa japonesa

Baterias finais começam ainda nesta segunda e devem entrar pela madrugada de terça-feira (27) no horário de Brasília

Competição de surfe nas Olimpíadas de Tóquio
Legenda: Ítalo Ferreira é um dos representantes do Brasil nas quartas de final
Foto: Miriam Jeske/COB

A Organização das Olimpíadas de Tóquio decidiu antecipar em um dia as finais do torneio de surfe em função de um tufão que se aproxima da costa japonesa. Dessa forma, todas as últimas baterias começarão ainda nesta segunda-feira (26).

As quartas de final terão início às 19h, horário de Brasília. Em seguida, às 23h48, serão as semifinais. Já a disputa pelas medalhas de ouro, prata e bronze estão agendadas para às 2h16 desta terça-feira (27).

"Depois de uma revisão das condições climáticas para terça e quarta, foi decidida a antecipação das finais para terça [noite de segunda no Brasil]. A ordem vai começar com os homens e terminar com mulheres, seguidas das cerimônias de vitória", disse a organização em nota.

Entre os representantes do Brasil, a cearense Silvana Lima irá disputar as quartas de final contra Carrisa Moore, dos Estados Unidos. 

Gabriel Medina irá encarar o taitiano Michel Bourez, que representa a França, nas quartas, enquanto o potiguar Ítalo Ferreira terá o peruano Miguel Tudela como adversário. 

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte