Brasil segue com números alarmantes e registra 2.922 mortes por Covid-19 em 24 horas

Número de casos confirmados subiu mais de 70 mil em um dia

Caixão sendo carregado em cemitério
Legenda: Óbitos pelo novo coronavírus superaram os 3 mil nos últimos três dias.
Foto: Fabiane de Paula

Após três dias seguidos com média superior a 3 mil mortes pela Covid-19 confirmadas, o Brasil registrou, nas últimas 24 horas, número abaixo dessa marca, porém ainda alarmante. Foram 2.922 novos óbitos em um dia, conforme atualização do Ministério da Saúde. Agora, o País soma 328.206 óbitos pela doença.

A pasta atualizou os dados às 18h desta sexta-feira (2). O número de casos aumentou em 70.238 nas últimas 24h, totalizando 12.910.082 confirmações desde o início da pandemia. 

O número de recurados da enfermidade é 11.276.628. Atualmente, o País sofre com a segunda onda do novo coronavírus, que tem puxado altos índices de letalidade, especialmente em março

Alta nas mortes

Nesta semana, três dias seguidos registraram mais de 3 mil mortes em 24 horas no País: terça-feira (3.780 mortes), quarta-feira (3.869) e quinta-feira (3.673).

A infecção tem taxa de letalidade de 2,5% no Brasil.

A Região Sudeste é a que acumula a maior quantidade de registros, com o estado de São Paulo liderando as confirmações: ao todo, 2.513.178 pessoas foram diagnosticadas com a doença desde o início da pandemia. Em seguida, vêm Minas Gerais, com 1.147.578, e Rio Grande do Sul, com 858 mil.

O Ceará, por sua vez, chegou nesta sexta a 547.414 registros, com 14.305 vidas perdidas para a doença.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil