Ministra das Relações de Vladimir Putin acusa ocidente de "russofobia" contra o país

Maria Zakharova disse que o ato cria um "ambiente destrutivo" e alimenta radicais

russofobia
Legenda: Zakharova alertou ainda que prática pode causar histeria na população
Foto: Yuri Kadobnov/AFP

A ministra das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, afirmou, na manhã desta quarta-feira (9), que os países do ocidente incitam o extremismo e promovem "russofobia" contra o país liderado por Vladimir Putin.

“A russofobia que tem sido divulgada em todo o mundo vai contra qualquer herança e contra qualquer humanismo e cria apenas um ambiente destrutivo, com consequências muito difíceis de serem previstas", criticou.

Para Zakharova, a "atmosfera tão odiosa" criada na Europa poderá "alimentar mais nacionalistas e mais radicais", disse. "Essa histeria vai atuar nas pessoas extremistas". 

Os russos, segundo ela, estão sendo "expulsos de transportes, atingidos por pedras, não podem entrar em restaurantes". 

Zakharova chamou ainda de "nazistas" as ações da Ucrânia e do ocidente e alfinetou o presidente do país, Volodymyr Zelensky, de utilizar a população civil como combatente na guerra.

“É assim que vocês querem construir? Ou estão querendo destruir a Europa? E depois, para quem vão pedir ajuda?”, questionou.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo