Título do Athletico-PR na Sul-Americana diminui chance de G-9 na Série A; veja cenário

O resultado tem impacto direto nas vagas internacionais da Série A de 2021

Nikão comemora gol pelo Athetico-PR
Legenda: O meia Nikão marcou o gol da vitória do Athletico-PR contra o Bragantino na Sul-Americana
Foto: Gustavo Oliveira / Athletico-PR

O Athletico-PR foi campeão da Copa Sul-Americana neste sábado (20) ao vencer o Bragantino por 1 a 0, com gol de Nikão, em final disputada no Uruguai. E o resultado interfere diretamente nas vagas internacionais da Série A. O título reduz as chances de formação do G-9 na tabela do Brasileirão e as possibilidades de vaga na próxima Libertadores.

Isso porque, a cada temporada, o Brasil tem sete vagas para a Liberta: são os seis primeiros da Série A e o campeão da Copa do Brasil. Pelo regulamento da Conmebol, todavia, os vencedores da Libertadores e da Sul-Americana também se classificam. Em 2021, essas finais são brasileiras.

Como o Furacão ergueu a taça da Sula e está na 13ª posição da Série A, essa vaga não será direcionada para a classificação do Brasileirão. O cenário só será revertido se o time subir para as primeiras colocações - missão difícil, tendo em vista os pontos (41) e as cinco rodadas restantes.

G-8 na tabela

Com o fim da Sul-Americana, uma eventual confirmação do G-8 envolve a decisão da Libertadores, em que Flamengo (2º) e Palmeiras (3º). As equipes se enfrentam no próximo sábado (27), no Uruguai, em confronto único. A Copa do Brasil também tem peso, em que Atlético-MG e Athletico-PR duelam. A vaga seria ampliada se o Galo fosse campeão devido à posição na tabela.

Finais que podem garantir G-8 na Série A:

  • Libertadores | Palmeiras x Flamengo - jogo único (27.11) em Montevidéu-URU.
  • Copa do Brasil | Atlético-MG x Athletico-PR | ida (12.12) e volta (15.12).

PONTUAÇÃO PARA SUL-AMERICANA E LIBERTADORES (UFMG)

VAGA NA SUL-AMERICANA:

  • 45 pontos - 01,5%
  • 46 pontos - 09,4%
  • 47 pontos - 31,3%
  • 48 pontos - 62,9%
  • 49 pontos - 87,4%
  • 50 pontos - 97,6%
  • 51 pontos - 99,7%

VAGA NA LIBERTADORES:

  • 52 pontos - 01,2%
  • 53 pontos - 07,2%
  • 54 pontos - 23,1%
  • 55 pontos - 47,4%
  • 56 pontos - 72,7%
  • 57 pontos - 89,4%
  • 58 pontos - 96,9%
  • 59 pontos - 99,3%