Covid-19: Bruxelas fecha cafés e bares por um mês

As medidas são semelhantes às que foram anunciadas em Paris, para conter o avanço da Covid-19

foto
Foto: CESAR MANSO / AFP

A cidade de Bruxelas, capital da Bélgica, determinou, nesta quarta-feira (7), o fechamento de todos os bares e cafés pelo período de um mês, a partir de amanhã (8), em um esforço para tentar conter a pandemia da Covid-19, informaram autoridades regionais. 

Os locais onde as refeições são servidas à mesa podem permanecer abertos, mas os espaços públicos destinados ao consumo de bebidas alcoólicas ficarão fechados até 8 de novembro nas 19 comunas da capital belga.

Salões de festas e de chá também devem permanecer fechados até 8 de novembro. Essas medidas são semelhantes às que foram anunciadas, na véspera, em Paris.

Em um primeiro momento, na terça-feira, o governo belga havia anunciado que bares e cafés deveriam fechar às 23h a partir de sexta-feira. Essa medida foi atualizada com o informe de hoje.

O chefe do Executivo da região de Bruxelas, Rudi Bervoort, e os responsáveis pelas 19 comunas consideraram, nesta quarta, que as restrições anunciadas ontem seriam insuficientes para conter o número de infecções da Covid-19.

A Bélgica vem experimentando um forte aumento no número de casos positivos do novo coronavírus. Na última semana, o país teve uma média de 2.500 novos casos por dia, um aumento de 57% em relação à semana anterior.

Desde o início da pandemia, as autoridades de saúde belgas registraram cerca de 135.000 casos, com pouco mais de 10.000 mortes.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo

Assuntos Relacionados