Ceará perde para o Palmeiras por 2 a 1 no Castelão em jogo atrasado pela Série A

Vovô cria muitas chances, mas não segura o Verdão, amargando o 5º jogo sem vencer na competição

Legenda: O Ceará pressionou o Palmeiras, principalmente no 1º tempo, mas outra vez desperdiçou suas chances
Foto: LC Moreira / SVM

Em jogo atrasado da 19ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o Ceará tinha a chance de voltar a vencer e subir na tabela. Mas o Alvinegro acabou derrotado pelo Palmeiras por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (20), no Castelão, se mantendo na mesma colocação (14º), com 31 pontos. O Verdão se mantém no G4, com 46 pontos, e ultrapassa o Fortaleza, ficando em 3º.

Com o resultado, o Vovô chega ao 5º jogo sem vencer na Série A (são duas derrotas e três empates), com a equipe se mantendo próxima da zona de rebaixamento. São apenas 3 pontos de vantagem para o Juventude,  adversário seguinte, no sábado, às 17 horas, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), em jogo válido pela 28ª rodada.

O jogo

O Ceará entrou em campo mais uma vez modificado pelo treinador Tiago Nunes. Com Bruno Pacheco suspenso, Kelvyn foi o substituto para a lateral-esquerda, e Gabriel Santos e Lima ganharam as vagas de Cléber e Mendoza.

E o Vovô começou o jogo ligado, empurrado pela torcida. Contra um adversário qualificado, mas irregular nos últimos jogos, o Vovô foi melhor no 1º tempo. 

Foto: LC Moreira/SVM

Mas como aconteceu em partidas anteriores, a equipe criou oportunidades e as desperdiçou. Erick e Vina tentaram com boas finalizações, mas o goleiro Weverton salvou o Palmeiras com grandes defesas.

Foi quando no último minuto do 1º tempo, Zé Rafael bateu falta com categoria e marcou o gol do Palmeiras, abrindo o placar.

O resultado era um castigo pelo melhor futebol do Ceará, que não repetiria a atuação na 2ª etapa.

2º tempo

Se na etapa inicial o Ceará criou chances para sair na frente, no 2º tempo o jogo foi diferente. Precisando buscar o resultado, o time se expôs mais ao rápido contra-ataque do Palmeiras.

Mais vulnerável, o Vovô não conseguia furar o bloqueio do Verdão e ainda sofreu o segundo gol, aos 26 minutos, em jogada de Scarpa e Deyverson concluiu.

Tentando pressionar, o Ceará criou uma boa chance em seguida com Lima, que Weverton defendeu e deu esperança para o torcedor com o gol de Cléber aos 43 minutos.

A equipe até tentou pressionar nos acréscimos, com o jogo indo até os 52 minutos, mas não conseguiu e aumentou o jejum de vitórias na Série A.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 1 X 2 PALMEIRAS

LOCAL - Arena Castelão.
ÁRBITRO - Andre Luiz de Freitas Castro (GO).
CARTÕES AMARELOS - Igor, Vina, Luiz Otávio, Zé Rafael, Erick, Jorginho, Weverton
GOLS - Zé Rafael, aos 47 minutos do primeiro tempo. Deyverson, aos 26, e Cléber, aos 43 minutos do segundo tempo.

CEARÁ - Richard; Igor, Luiz Otávio, Gabriel Lacerda e Kelvyn; Marlon (Cléber), Fernando Sobral (Fabinho), Lima (Mendoza) e Vina (Jorginho); Erick e Gabriel Santos (Jael). Técnico: Tiago Nunes.

PALMEIRAS - Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Piquerez; Felipe Melo, Zé Rafael (Danilo Barbosa), Raphael Veiga (Gustavo Scarpa) e Dudu (Gabriel Veron); Rony (Breno Lopes) e Luiz Adriano (Deyverson). Técnico: Abel Ferreira.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte