Ministro Gilmar Mendes, do STF, não aceita novo pedido de habeas corpus para DJ Ivis

O ministro decidiu não conhecer o pedido de liberdade requerido por um estudante de Direito. A decisão foi proferida nessa terça-feira (3)

dj ivis preso
Legenda: DJ Ivis permanece preso em uma unidade prisional da Região Metropolitana de Fortaleza
Foto: Kid Júnior

Pessoas alheias ao processo de Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, continuam requerendo a liberdade do artista junto ao Supremo Tribunal Federal (STF). Nessa terça-feira (3), o ministro Gilmar Mendes decidiu não apreciar o pedido de habeas corpus a favor do DJ, impetrado desta vez por um estudante de direito.

No último dia 29 de julho, o ministro do STF chegou a indeferir pedido de liberdade a Iverson, preso por agressões cometidas contra a ex-mulher, a cearense Pamella Holanda. Na outra ocasião, solicitação de um advogado alheio à defesa constituída legalmente pelo artista foi distribuído ao relator do Supremo.

Agora, conforme documento, o ministro alegou na sua decisão que o impetrante, um estudante de direito sem qualquer vínculo com o paciente, pretende a revogação da prisão preventiva". Gilmar Mendes destacou que o estudante não juntou qualquer documento ao pedido, nem mesmo cópia da decisão judicial que corrobore as alegações deduzidas de flagrante do decreto prisional contra o DJ. 

Inexistem elementos hábeis a indicar a concordância do paciente em relação à impetração articulada, sobretudo porque possui advogado constituído, a quem poderia requerer a impetração do presente"
Ministro Gilmar Mendes

A defesa do produtor musical disse à reportagem do Diário do Nordeste que as ações realizadas por parte de profissionais e estudantes alheios ao caso se tratam de oportunismo e aproveitamento pessoal incompatível com a ética.

Indiciado

DJ Ivis foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará (PC-CE) pelos crimes de lesão corporal, ameaça e injúria. Tramita em paralelo outro inquérito contra o artista, aberto pela Delegacia da Mulher, em Fortaleza. Enquanto isso, Iverson de Souza Araújo permanece preso na Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza.

A ida dele para a unidade prisional aconteceu após audiência de custódia, realizada em 16 de julho, na capital cearense. Anteriormente, Ivis estava encarcerado na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap). Pamella alega ter sido vítima das agressões do ex-companheiro durante meses e chegou à dizer em entrevista ao Fantástico que o esposo tentou a estrangular no banheiro.

Quero receber conteúdos exclusivos do É Hit