Policiais que fazem escolta de Ricardo Nunes, prefeito de SP, reagem a assalto e matam suspeito

Homem ainda não identificado morreu durante a tentativa de roubo

Tentativa de assalto
Legenda: Policiais que fazem a segurança do prefeito de São Paulo reagiram a uma tentativa de assalto e mataram um suspeito, na manhã desta quarta-feira (1º)
Foto: Reprodução

Policiais que fazem a segurança do prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), reagiram a uma tentativa de assalto e mataram um suspeito, na manhã desta quarta-feira (1º), na região de Interlagos, zona sul da Cidade. A abordagem aconteceu em frente à casa do prefeito.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública, um homem, ainda não identificado, morreu durante a tentativa de roubo, por volta de 6h10.

A Prefeitura confirmou, em nota, que os agentes, um homem e uma mulher, são da equipe que trabalha na segurança de Nunes. A gestão municipal não informou se os policiais estavam à espera do prefeito.

Conforme a secretaria, os policiais estavam em um veículo Toyota Corolla em frente à casa de Nunes quando foram abordados por dois homens em uma moto. Um deles acabou anunciando o assalto.

Os agentes reagiram e o garupa acabou atingido, também conforme a Secretaria da Segurança Pública. Uma câmera de segurança mostrou o momento em que a policial da escolta do prefeito faz o disparo.

Suspeito morreu no local

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou o óbito no local. O piloto da motocicleta conseguiu fugir.

O caso foi registrado pelo 11º Distrito Policial e encaminhado para o Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). 

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil