Helicóptero com quase 300 kg de cocaína cai em fazenda no Pantanal de Mato Grosso

O valor total da droga encontrada é estimado em quase R$ 7 milhões

Helicóptero tombado com droga
Legenda: Agentes tentaram localizar suspeitos em raio de 10 km, mas não tiveram sucesso
Foto: divulgação/Ciopaer-MT

Um helicóptero carregado de cocaína caiu em Poconé, na região do Pantanal, em Mato Grosso, neste domingo (1º). A aeronave foi encontrada tombada e com sacos de droga ao redor. Ao todo, eram cerca de 278,51 quilogramas (kg) da cocaína. Não há registro de vítimas ou feridos.

De asa rotativa modelo Robson R44, o helicóptero foi achado em operação da Polícia Federal (PF) para combater organizações criminosas envolvidas com tráfico internacional de drogas realizado por vias aéreas.

O valor total da droga é estimado em R$ 6,95 milhões. O helicóptero, que, segundo o portal UOL, caiu em uma fazenda, teve prejuízo de R$ 425 mil.

A ação teve apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) — que localizou a aeronave —, além da Polícia Militar e do Grupo Especial de Fronteira (Gefron).

Equipes das forças de segurança buscaram pelos suspeitos de pilotar o equipamento em um raio de 10 km, mas não tiveram êxito. Os pacotes com a substância ilícita foram apreendidos e levados para a PF de Cuiabá, encarregada de apurar o caso.

Avião achado com droga

No sábado, operação similar localizou uma aeronave modelo CESSNA 182P, com carga de 324 kg de cocaína. O caso ocorreu no distrito de Guariba, no município de Colniza, a 1.022 km de Cuiabá.

O avião foi interceptado em voo clandestino entre Machadinho D’Oeste (RO) e a cidade. A ofensiva teve participação da Força Aérea Brasileira (FAB), além da PF e do Gefron.

A mercadoria, avaliada em R$ 8,7 milhões, foi encaminhada como entorpecente para a delegacia da PF em Porto Velho (RO). O piloto do avião conseguiu fugir, mas diligências continuam para elucidar a identificação de suspeitos.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil