Terremoto de magnitude 6.2 atinge norte da Argentina

Ainda não há informações sobre os danos e as vítimas do fenômeno natural

Região do terremoto na Argentina
Legenda: Informações preliminares indicam que o tremor também foi sentido em países vizinhos
Foto: reprodução/Google Maps

Um terremoto de magnitude 6.2 na Escala Richter atingiu a região de San Antonio de los Cobres, no norte da Argentina, na madrugada desta segunda-feira (13), conforme o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês). As informações são do jornal argentino Clarín

Dados preliminares do USGS indicam que o tremor também foi sentido em países vizinhos como a Bolívia, o Chile e o Paraguai. 

O abalo aconteceu por volta das 2h18 e, segundo o Instituto Nacional de Prevenção Sísmica da Argentina, ocorreu a 189 quilômetros a oeste de San Salvador de Jujuy; 201km a noroeste da cidade de Salta; e 12km a oeste de Catúa, a uma profundidade de 205 km.

Ainda não há informações sobre os danos causados e vítimas do fenômeno natural.

Conforme o jornal argentino, o norte do país é uma região que abriga muito dos povos nativos, além de ser uma área turística devido às paisagens desérticas, a gastronomia e a proximidade com a cultura mapuche — povo indígena da região centro-sul do Chile e do sudoeste da Argentina.   

No Chile, o Centro Hidrográfico e Oceanográfico da Marinha registrou um tremor de 6.1 na escala Richter e descartou a possibilidade de tsunamis nas costas do país. Conforme informações da imprensa local, a profundidade do abalo pode ter amortecido os danos.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o mundo