Brasileiro Victor Hespanha comenta viagem “bate-volta” ao espaço: “indescritível, surreal”

Victor se tornou, neste sábado (4), o primeiro turista espacial brasileiro e segundo cidadão do País a voar ao espaço

Victor Hespanha
Legenda: Victor é de Minas Gerais e garantiu assento na "viagem" ao espaço após comprar um NFT por R$ 4 mil
Foto: Reprodução/Blue Origin

O engenheiro de produção Victor Hespanha, 28, se tornou, neste sábado (4), o segundo brasileiro a voar até o espaço – e primeiro turista espacial do País. Em declaração nas redes sociais, o mineiro definiu a experiência como “emocionante, indescritível e surreal”.

O “bate-volta” de 10 minutos foi feito a bordo voo da Blue Origin, empresa do bilionário Jeff Bezos, no Texas, nos Estados Unidos. Victor ocupou o assento número 2 da nave espacial "New Shepard", que transportou ainda outras 5 pessoas.

O voo foi do tipo suborbital, tipo de viagem mais breve em que o foguete alcança uma altitude máxima de cerca de 100 km e, na volta à Terra, cai em queda livre.

Hespanha garantiu um lugar na nave após comprar um token não fungível (NFT) pela Crypto Space Agency (CSA) pelo valor de R$ 4 mil. A CSA sorteou a viagem entre os compradores, e o mineiro ganhou.

O único brasileiro a ter ido ao espaço, antes de Victor, era o astronauta e ex-ministro Marcos Pontes, que em 2006 passou oito dias na Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).