Sarto intensifica agenda de inaugurações de obras em Fortaleza

Após dois episódios que geraram desgaste, o prefeito lançará equipamentos públicos nos bairros

Sarto
Legenda: Na quinta-feira (26), o prefeito participou da entrega de um Centro de Educação Infantil no bairro São Bento
Foto: Prefeitura de Fortaleza

Após oito meses de gestão na Capital, o prefeito José Sarto Nogueira (PDT) está iniciando um novo momento. A ordem à equipe é começar a pisar no acelerador de inaugurações de equipamentos públicos, muitos dos quais já estão com obras prontas.  

Na posse, Sarto estabeleceu como prioridade do primeiro semestre a vacinação da população contra a Covid-19 e o combate à pandemia. Ambas continuam neste momento, mas agora o gestor dará mais atenção a outras agendas da Prefeitura, cumprindo uma série de atos de entrega de obras à população da capital cearense, neste segundo semestre.  

As inaugurações previstas já começaram, inclusive. Nesta quinta-feira (26), o prefeito participou da entrega de um Centro de Educação Infantil no bairro São Bento. Do mesmo modelo, existem outros 28 Centros em construção na Capital.  

Só em setembro, quatro deles devem ser entregues. As obras seguem um cronograma que começou ainda na gestão passada, de Roberto Cláudio (PDT), mas que acabou sendo afetado pela pandemia. 

Sarto vem de dois episódios de desgaste. Um foi o conflito entre Guarda Municipal e feirantes da Rua José Avelino. O outro, a participação dele em festa de casamento com aglomeração e descumprimento de normas sanitárias como o uso de máscaras. Ele, inclusive, emitiu nota de desculpas em suas redes sociais. 

Em meio à pandemia, o prefeito da Capital também teve que fazer um ajuste de contas no Poder Executivo Municipal diante da frustração de receitas na ordem de R$ 100 milhões, conforme detalhou esta coluna. Em reunião com vereadores, Sarto chegou a demonstrar preocupação.  

Agenda positiva 

Estão no roteiro do prefeito nas próximas semana também areninhas, Célula de Proteção Comunitária, Conjunto Residencial, urbanização de lagoa, e entrega do papel da Casa para 800 famílias. A ordem no Palácio do Bispo é intensificar as ações de uma agenda positiva.  

Afago aos vereadores 

Ao levar equipamentos públicos para os bairros da Capital, o prefeito acaba mobilizando também os vereadores que representam as comunidades. É um reforço político em meio à pandemia que vem sendo reclamado pelos aliados. Ao mesmo tempo em que se aproxima das comunidades, o prefeito pode levar junto os parlamentares da base governista e fortalecer o apoio na Câmara Municipal.