Técnico do Santa Cruz desabafa e cita problemas até com alimentação: “o clube está largado”

Leston Júnior, ex-Floresta, concedeu coletiva neste domingo (8), após vitória na Série D

Atletas do Santa Cruz reunidos em sala de imprensa
Legenda: Os atletas do Santa Cruz ficaram reunidos com membros da comissão técnica após o jogo
Foto: reprodução

O Santa Cruz venceu a 1ª partida pela Série D do Brasileiro de 2022 neste domingo (8) ao superar o Atlético-BA por 3 a 2, de virada. Na coletiva de imprensa, no entanto, o ambiente foi mais tenso, com discurso do técnico Leston Júnior, ex-Floresta, do elenco coral e do executivo Marcelo Segurado, ex-Ceará.

Em demonstração de união, todos ficaram juntos em apoio ao treinador, que disse que “o clube está largado”. O comandante denunciou situações do time pernambucano, como falta de salário, de local para treinamento, de alimentação e até de bola para as atividades de jogo.

“Isso aqui não é o lugar do clube, mas é onde colocaram o clube. Para tirar, precisa trabalhar muito, de união, não ficar em rede social, não ficar ameaçando, não ficar promovendo uma situação que não existe. O Santa Cruz é a maior camisa da Série D, mas isso representa o quê? Se não tenho campo para treinar, alimentação, e fui treinar com a bola do jogo na semana do jogo", disse.

Na Série D, o Santa Cruz é o 5º colocado do Grupo 4, com quatro pontos: uma vitória (Atlético-BA), um empate (Lagarto) e duas derrotas (Asa e Juazeirense). Com oito times no chave, apenas as equipes do G-4 conseguem avançar para a 2ª fase do torneio.

Veja vídeo

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte