Técnico da Argentina exalta Messi na Copa América: "faz a diferença"

O atacante empatou com volante Mascherano como atleta que mais vestiu a camisa argentina

Messi com semblante sério
Legenda: Lionel Messi soma 73 gols com a camisa da seleção da Argentina
Foto: Nelson Almeida / AFP

Ainda sem uma grande atuação, a Argentina conseguiu antecipadamente a classificação às quartas de final da Copa América com a vitória por 1 a 0 sobre o Paraguai, na segunda-feira (21), no estádio Mané Garrincha, em Brasília, em jogo válido pela 3ª rodada do Grupo A. A força do elenco, em especial pela presença do Lionel Messi, foi valorizada pelo técnico Lionel Scaloni.

"A verdade é que Messi vem jogando todos os jogos e é bem difícil não contar com ele. Sempre vamos continuar fazendo assim porque ele marca e faz a diferença", explicou.

Não foi apenas Messi que foi exaltado. "Estou satisfeito porque Ángel di María e Alejandro (Papu) Gómez sempre pertenceram à seleção e a essa geração de jogadores, nos quais confiamos. E mostram cada vez mais que merecem vestir essa camisa. Eles estão felizes. Quero elogiar também Sergio Agüero, que fez um esforço enorme, foi bem", enfatizou o técnico.

Marca de Messi

Com a titularidade no duelo contra o Paraguai, Messi atingiu uma nova marca pela Argentina. Agora, o craque está empatado com Javier Mascherano como o jogador que mais vestiu a camisa da seleção, com 147 jogos.

Ao longo de 16 anos, Messi anotou 73 gols com a camisa argentina. Atrás do atacante e do volante, ex-Corinthians e Barcelona, os recordistas de atuações na seleção são Javier Zanetti (143 jogos), Roberto Ayala (114) e Ángel Di María (108).

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte