Coronavírus: Bernie Ecclestone teria encerrado ano da F1

Ex-chefe da categoria diz que abandonaria completamente a temporada de 2020 se estivesse no comando, e não tentar remarcar as provas

Legenda: Bernie Ecclestone diz que cancelaria F1 em 2020 se fosse chefão ainda —
Foto: Foto: Getty Images

O Mundial de Fórmula 1 está em suspenso, com oito grandes prémios cancelados ou adiados, depois de a primeira prova, na Austrália, ter sido cancelada ‘em cima da hora', após membros da Haas e da McLaren terem testado positivo a covid-19.

Bernie Ecclestone, antigo líder da Fórmula 1, não tem dúvidas de que cancelar a atual temporada é a melhor solução para a modalidade face à pandemia da COVID-19.

"O que faria hoje? Acho que teria que dizer a todos que iríamos acabar com as corridas este ano. Essa é a única coisa que se pode fazer com segurança para todos, para que ninguém comece a sugerir soluções malucas que talvez não possam acontecer. Foi o que fizeram com Jogos Olímpicos. É lamentável, mas é assim que as coisas estão", afirmou Ecclestone em entrevista à Reuters.


Categorias Relacionadas