Ceará e Fortaleza se unem para consertar cadeiras e aumentar capacidade do Castelão

Diretorias das equipes se responsabilizaram de pagar a manutenção de quatro mil assentos