BNB terá fundo de investimentos de R$ 2 bilhões com foco em infraestrutura

Objetivo do banco é complementar a capacidade de financiamento do FNE

Energia Solar
Legenda: Clientes como foco na sustentabilidade poderão buscar o serviço de geradores especializados em fontes renováveis, como a solar
Foto: Shutterstock

O Banco do Nordeste (BNB) está estruturando um novo fundo de investimentos com foco exclusivo em infraestrutura, para o qual planeja captar até R$ 2 bilhões no mercado de capitais.

Em entrevista à Coluna, Hailton Fortes, diretor Financeiro e de Crédito do BNB, informou que o projeto, ainda sem nome, deve ser finalizado em 2021, "em setembro ou outubro". No momento, a instituição está em conversas com prestadores de serviços.

Reforço na infraestrutura

O objetivo do banco, ressalta Fortes, é fomentar a infraestrutura do Nordeste com esta nova fonte de recursos. Ele explica que o FNE (Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste), por sua natureza financiadora concentrada em micro e pequenos empreendedores, tem limitações de regramento para o setor de infraestrutura.

Nos últimos três anos, as aplicações do BNB em infraestrutura apresentaram trajetória de queda:

  • Em 2018, foram R$ 16,4 bilhões
  • Em 2019, R$ 11,2 bilhões
  • Em 2020, R$ 6,6 bilhões

Tal tendência levou o banco a formular este fundo de investimentos como alternativa para complementar a capacidade de financiamento em infraestrutura, sobretudo considerando que há muitas deficiências neste segmento que configuram óbices ao desenvolvimento da região.

"O principal é que tenhamos recursos para financiar o desenvolvimento do Nordeste, viabilizando uma âncora para atração de novos investimentos".
Hailton Fortes
Diretor Financeiro e de Crédito do BNB

Hailton Fortes adianta que um dos atrativos do fundo será a adequação às diretrizes de ESG (do inglês Environmental, Social and Governance, - Ambiental, Social e Governança em português). Os investimentos em energia limpa, portanto, seriam priorizados.

As demais condições do fundo de investimentos não foram reveladas.