Fortaleza vence Clássico-Rei por 1 a 0 com gol de Wellington Paulista

Vovô dominou boa parte do jogo, mas foi pouco efetivo quando chegou na área tricolor

Legenda: Wellington Paulista chegou ao seu 13º gol com a camisa do Leão na Série A
Foto: Foto: Kid Junior

O Fortaleza bateu o Ceará por 1 a 0 na Arena Castelão neste domingo (10), com gol de Wellington Paulista aos 12 minutos. Com grandes festas de ambas as torcidas no clássico, o Leão se afastou ainda mais da zona de rebaixamento, abrindo 6 pontos na tabela. Apesar do resultado ruim, o Vovô não entra no Z-4 ao fim desta 32ª rodada. No total, 46,093 torcedores compareceram ao Clássico-Rei.

O jogo

O 1º tempo teve o domínio do campo do Ceará, porém, o dono das melhores ações foi o Fortaleza. O time de Ceni se postou em um 4-4-2 eficiente, apostando, como sempre, nos contra-ataques puxados por Romarinho e por Osvaldo, principalmente pela esquerda.

Já o Vovô mudou sua formação, organizado em um 3-4-3 com Brock como zagueiro pela esquerda, espetando os laterais. Galhardo voltava bastante para ajudar na criação, junto de Ricardinho e de Fabinho.

Legenda: Romarinho foi um dos destaques durante o jogo, com boas jogadas individuais nos flancos, puxando os contragolpes
Foto: Foto: Thiago Gadelha

O Leão abriu o marcador em grande jogada de Romarinho, que tocou para Osvaldo pela esquerda na área. O camisa 11 cabeceou, encobrindo o goleiro Diogo Silva, mas, antes da bola morrer no fundo das redes, Wellington Paulista garantiu que ela entrasse logo, fazendo seu 13º gol no Brasileirão, aos 12 minutos.

A partir do gol, o Ceará se postou ainda mais à frente, abusando de João Lucas e de Samuel Xavier nos flancos, que tentavam achar ou Felippe Cardoso, sumido no 1º tempo, ou Thiago Galhardo. 

Legenda: Samuel Xavier atuou praticamente como um ponta pela direita, mas foi bem marcado por Bruno Melo
Foto: Foto: Thiago Gadelha

O Fortaleza teve paciência para explorar as costas do meio de campo alvinegro, esperando os contragolpes.

Na 2ª etapa, Adilson deixou o sistema de 3 zagueiros, lançando Wescley no lugar de Valdo, adotando um 4-2-3-1 mais vertical. Porém, a falta de intensidade se manteve, sem conseguir quebrar o bloco defensivo tricolor.

O Alvinegro de Porangabuçu ainda tentou mudar o jogo com Leandro Carvalho e Mateus Gonçalves nos lugares de Galhardo e de Felipe Silva, mas teve pouco sucesso, parando na defesa bem postada montada por Rogério Ceni.

Legenda: Osvaldo fez ótima atuação, mas levou 3º amarelo e é desfalque para o próximo jogo
Foto: Foto: Thiago Gadelha

Na 33ª rodada, o Fortaleza enfrenta o CSA no domingo (17), às 19h, na Arena Castelão. Já o Ceará encara a Chapecoense às 18h, na Arena Condá, no mesmo dia.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte