Foi duro chegar até aqui, diz zagueiro Diego Jussani

Dos 50 jogos do time principal o Leão na temporada, Jussani esteve em campo em 44

Um dos destaques do elenco do Fortaleza, Diego Jussani deu entrevista no CT Rimabar Bezerra, na tarde esta terça-feira (23), e falou sobre as dificuldades encontradas pela equipe Tricolor nesta Série B do Brasileirão.

"Nós estamos concentrados, muito focados, porque sabemos como foi duro chegar até aqui, aos 60 pontos, e vai ser muito mais duro chegar a pontuação para conquistarmos o acesso e, posteriormente, para ganharmos o título", disse o camisa 3 do Leão.

Para ajudar o time a carimbar a vaga na elite do futebol nacional do próximo ano, a torcida Tricolor tem lotado o Castelão nos jogos dentro de casa e foi autora do mosaico que ocupou o estádio todo na vitória por 1 a 0 sobre o Paysandu, na última sexta (19). Com as emoções à flor da pele, Jussani sabe que é hora de concentração máxima dentro do elenco.

"Temos que deixar a alegria, a ansiedade para a torcida".

Até o momento, o Leão fez 50 jogos na temporada - 32 no Brasileirão e 18 no Campeonato Cearense - e o defensor esteve em campo em 44, marcando três gols sendo dois pela Segundona nas vitórias sobre o Brasil de Pelotas/RS e São Bento/SP, ambos dentro de casa.

"É o meu melhor momento na carreira, isso eu posso afirmar. É um ano maravilhoso que estou vivendo aqui dentro. Estou disputando acesso, perto de conquistar um título. É difícil conquistar alguma coisa no centenário e ser campeão nacional no ano do centenário é uma coisa absurda", finalizou.

O Fortaleza recebe a Ponte Preta, na próxima sexta-feira (26), às 20h30, na Arena Castelão, pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Quero receber conteúdos exclusivos de esporte