Wesley Safadão cancela entrada de familiares, equipe e convidados em show no navio

Mudança foi explicada pelo artista após decisão da Anvisa sobre redução de capacidade

Cantor Wesley Safadão
Legenda: Wesley Safadão deve se apresentar no WS On Board de 20 a 23 de novembro
Foto: reprodução/Instagram

O cantor Wesley Safadão teve que cancelar a entrada da família e da equipe no navio WS On Board, com festa marcada de 20 a 23 de novembro, após decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A decisão, segundo publicação do portal Metrópoles, aconteceu após a retirada de fãs que já haviam comprado ingresso para o evento. 

Em nota, publicada no último dia 29 de outubro, a Anvisa declarou que os navios devem transportar apenas 75% da capacidade total e, somente assim, poderão sair dos portos brasileiros. Dessa forma, o WS On Board, que deve partir do Porto de Santos, em São Paulo, precisa ter a capacidade reduzida em pelo menos mil pessoas.

Além da diminuição da capacidade, aos que forem ao navio é solicitada a apresentação dos certificados que comprovem as duas doses da vacina contra a Covid-19, assim como um teste PCR com resultado negativo.

Mais pessoas

Apesar de ter vetado os convidados pessoais, a quantidade de pessoas retiradas não foi o suficiente para cumprir a exigência do órgão. Assim, segundo a assessoria de Wesley Safadão, os critérios usados para retirar pessoas com ingressos já comprados não são definidos pela equipe do cantor.

Nos Stories do Instagram, na quinta-feira (11), ele tentou explicar a situação. Quando soube da nova regra, o artista teria tentado adiar novamente o cruzeiro, porém foi informado que teria que pagar o aluguel da mesma forma, no valor de R$ 15 milhões.

"Eu disse ‘ou vai todo mundo ou não vai ninguém’. Mas a lei não me respalda. Porque outros navios vão sair. Os que não haviam alcançado a capacidade máxima, não vão ter que desconvidar ninguém", comunicou.

Também na quinta, uma reunião entre a produtora de navios temáticos e a Anvisa foi realizada, mas a decisão do órgão foi mantida. 

Quero receber conteúdos exclusivos do É Hit