Alunos acham câmeras escondidas em banheiros de escola estadual em SP

Um estudante localizou o equipamento após ser flagrado pela diretoria fumando maconha no banheiro

Câmeras escondidas foram encontradas por estudantes da Escola Estadual Oswaldo Cruz, na Mooca, na Zona Leste de São Paulo
Legenda: Após o ocorrido, o aluno acionou a polícia
Foto: Arquivo Pessoal

Câmeras escondidas foram encontradas por estudantes da Escola Estadual Oswaldo Cruz, na Mooca, na Zona Leste de São Paulo. As máquinas estavam instaladas no rejunte dos azulejos dos banheiros masculino e feminino. As informações são do portal g1.

Um aluno do terceiro ano do ensino médio localizou a câmera após ser flagrado pela diretoria fumando maconha no banheiro. A profissional apresentou uma foto do flagra ao jovem e ele percebeu que se tratava de uma imagem de câmera de segurança.

A namorada do aluno, que também estuda na unidade, constatou que havia ainda uma câmera no banheiro feminino. O caso aconteceu na última sexta-feira (24).

Boletim de ocorrência

Após o ocorrido, o aluno acionou a polícia. Um boletim de ocorrência foi registrado no 18º DP. No B.O., a vice-diretora da escola, Nilsen Cristina Mendes, afirmou que sabia da instalação das câmeras de segurança nos banheiros.

A Secretaria estadual da Educação informou, no entanto, que essa conduta não faz parte das diretrizes da pasta. Ainda de acordo com a secretaria, os equipamentos já foram retirados e foi instaurada uma apuração preliminar.

A diretora da unidade foi afastada até a conclusão das investigações, o aluno flagrado com maconha no banheiro foi suspenso por sete dias e os responsáveis foram notificados.

Quero receber conteúdos exclusivos sobre o Brasil