Buraco negro no centro da Via Láctea tem foto inédita divulgada por cientistas

Sagitário A* teve imagem divulgada em uma revista científica pela rede Event Horizon Telescope

Foto do primeiro buraco negro fotografado na via láctea
Legenda: Buraco negro está localizado no centro da Via Láctea
Foto: divulgação/EHT

A primeira foto de um buraco negro na Via Láctea, nossa galáxia, foi divulgado por um consórcio internacional de cientistas nesta quinta-feira (12). Chamado de Sagitário A*, ele é um buraco negro supermassivo a cerca de 26 mil anos-luz da Terra.

Marco na ciência, a descoberta foi encabeçada pela Event Horizon Telescope, uma rede que reúne 11 radiotelescópios espalhados pelo mundo.

Os resultados da equipe foram publicados ainda nesta quinta na revista científica The Astrophysical Journal Letters. 

"Estas observações sem precedentes aumentaram grandemente o nosso conhecimento do que acontece mesmo no centro da nossa Galáxia e nos dão novas pistas sobre como é que estes buracos negros gigantes interagem com o meio que os rodeia", pontuou  cientista do Projeto EHT, Geoffrey Bower, do Instituto de Astronomia e Astrofísica da Academia Sínica, em Taipei.

O grupo de pesquisadores tem observatórios distribuídos nos Estados Unidos, Chile, Alemanha, México, Japão, China e Taiwan. Eles são operados de forma simultânea.

O que é um buraco negro?

Segundo pesquisadores, o buraco negro  é uma espécie de abismo cósmico que atrai para si tudo o que se aproxima, a uma determinada distância.

Com uma atração gravitacional extrema, nem a luz escapa desses objetos.

Quais os tipos?

Astrônomos catalogaram, até então, três tipos: buracos negros estelares, buracos negros intermediários e buracos negros supermassivos.


Assuntos Relacionados