SVM lança projeto de checagem Pela Palavra

Toda semana, até o dia das eleições, matérias com o selo Pela Palavra serão publicadas nos veículos e redes sociais do Sistema Verdes Mares

A cobertura informativa e rica em análises da corrida eleitoral neste ano ganha um reforço no Sistema Verdes Mares com o lançamento do projeto Pela Palavra, em parceria com a Agência Lupa, um dos mais importantes grupos de checagem do País. O combate à desinformação se dará desde a verificação de montagens nas redes sociais a declarações dos candidatos, seja nas entrevistas ou na propaganda eleitoral.

A disseminação crescente das chamadas “fake news”, notícias falsas espalhadas, em parte, por grupos organizados, tem mostrado a importância cada vez maior do jornalismo profissional. Esse mesmo jornalismo se amplia na missão em combater a desinformação nas Eleições 2020, nos veículos do Sistema Verdes Mares, dentro da plataforma PontoPoder. A parceria com a Agência Lupa teve início com treinamento de repórteres para técnicas de fact-checking, a checagem de informações que são tornadas públicas por setores da sociedade ou mesmo órgãos e autoridades. A Agência Lupa faz parte da “Coalizão para Checagem - Eleições 2020”, criada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que reúne outras oito agências de verificação.

Toda semana, até o dia das eleições, matérias com o selo Pela Palavra serão publicadas nos veículos e redes sociais do Sistema Verdes Mares. As sugestões podem ser enviadas por meio do WhatsApp do VC Repórter (85) 98899.9597. Com alguma dúvida sobre a veracidade de informação que tenha recebido, o leitor pode sugerir a verificação por meio desse canal.

“Esse é mais um serviço inovador do Sistema Verdes Mares nestas eleições. O trabalho de checagem busca dar ainda mais credibilidade à nossa informação. Buscamos um conteúdo legitimado, através de uma criteriosa investigação, para que possamos entregar os nossos conteúdos de forma idônea aos nossos ouvintes, telespectadores e leitores”, explica Ildefonso Rodrigues, diretor de operação do Sistema Verdes Mares.

A diretora digital do SVM, Ívila Bessa, reforça a busca pela informação verdadeira: "O que pretendemos é qualificar o debate eleitoral, qualificar a visão do nosso jornalismo profissional e qualificar a percepção do público sobre o valor da notícia".

A informação para consulta será checada pela equipe de reportagem com a Agência Lupa, que acompanhará todo o trabalho. Integrante da International Fact-Checking Network (IFCN) e signatária do Código de Ética, a Lupa garantirá que a verificação esteja dentro de padrões de qualidade globais. 

"A Lupa sempre teve como objetivo principal qualificar o debate público a partir da disseminação de informações verdadeiras. Em uma eleição local, os desafios com relação à desinformação são muitos, e o trabalho de verificação só é possível a partir de parcerias como essa que estabelecemos com o SVM. Os eleitores do Ceará merecem saber mais sobre o processo eleitoral e o que dizem os candidatos, e a Lupa dará todo o apoio ao SVM nesse processo", diz Natália Leal, diretora de Conteúdo da agência.


Assuntos Relacionados