Emocionado, padre Marcelo Rossi diz que 'nasceu novamente' após empurrão em palco durante missa

O sacerdote celebrava uma missa na sede da comunidade católica Canção Nova quando foi empurrado por uma mulher no domingo, 14.

Legenda: Padre Marcelo Rossi estava na sede da comunidade Canção Nova, no interior de São Paulo
Foto: FOTO: REPRODUÇÃO

O padre Marcelo Rossi contou, durante uma missa neste domingo (21), sobre como se sentiu após ter sido empurrado por uma mulher de cima de um palco de quase dois metros de altura onde celebrava uma missa, em Cachoeira Paulista, São Paulo, há uma semana. Emocionado, o sacerdote relembrou o momento e disse que "nasceu novamente" após o acidente. Ele classificou a situação como "batismo de fogo" e disse que, após entender o que tinha acontecido, pensou que não gostaria de voltar a tomar remédios, já que já passou "muito tempo" se medicando por problemas de saúde.

"Hoje, graças a Deus, não tomo nada. Estou sem remédio. Foi uma dor muito forte. Só sei que, naquele momento, veio uma consciência tão forte de que Deus estava me dando de novo o batismo. Nasci novamente. Se o inimigo pensava que seria a minha morte, deu um tiro no pé, porque aquilo se transformou em uma bênção", disse o padre, sem conseguir segurar as lágrimas.

Em outro momento da missa, Marcelo Rossi lembrou do episódio com humor. "Eu parecia um boneco, gente. Uma criança me falou: 'Padre, você é o superman'. Eu falei: 'Não sou superman, não. Superman sobe, e eu caio'", afirmou o religioso.

O padre foi empurrado do altar de forma inesperada, causando preocupação e alvoroço entre os fiéis. Uma mulher subiu no local enquanto o religioso falava e o empurrou. Rossi celebrava uma missa na sede da comunidade católica Canção Nova, durante o encerramento do Acampamento PHN (Por Hoje Não), quando foi surpreendido pela mulher.

A celebração era transmitida ao vivo e toda a ação foi filmada. Nas imagens, a mulher aparece sorrindo após o padre cair.