Ceará vira e vence

Confira a coluna desta quarta-feira (6) do comentarista Wilton Bezerra

Atletas de Ceará e Independiente disputam a bola
Legenda: O Ceará venceu o Independiente-ARG por 2 a 1 na estreia da Copa Sul-Americana
Foto: Kid Júnior / SVM

O Independiente teve um jogador expulso (Costa), no começo do jogo.

Pareceu até um sinal, para o Ceará jogar mal, não tirar proveito e ainda tomar um gol.

Vina não se animou em ser o nove clássico. Restaram as jogadas de Nino, pela direita, e nada mais.

Dorival Júnior demorou a tirar um volante (Richard), para colocar um atacante (Erick).

No segundo tempo, o alvinegro voltou com Zé Roberto, no ataque, voltando o Vina para o seu verdadeiro lugar.

Bola na mão de um argentino, pênalti que Mendonza cobrou para empatar.

Nino expulso, os times ficaram iguais numericamente e um gol achado, depois de uma cobrança de escanteio

A bola pareceu tocada por Zé Roberto, o goleiro Sosa falhou, a bola pegou em Benega e entrou.

Delois disso, o jogo ficou ruim e terminou com a sofrida vitória do Ceará.

Sofrida, mas valiosa na estreia da Sul-Americana.

O Ceará não teve atuação diferente das últimas que realizou.

E olha que o time argentino é fraco.