Prefeitura de Fortaleza busca patrocinadores para garantir 'maior Réveillon da história'

Pela primeira vez, Réveillon pode ter dois dias de festa e uma atração internacional

Fogos de artifício e milhares de pessoas concentradas em festa de Réveillon na Praia de Iracema
Foto: Alex Ferro

Para viabilizar "o maior Réveillon da história de Fortaleza", como descreveu nessa segunda-feira (1º) o prefeito José Sarto, a gestão municipal buscará patrocinadores privados.

Conforme a Prefeitura, a ideia é que o evento seja superior às edições anteriores, após o hiato causado pela pandemia, mas isso não significa que ele sairá mais caro aos cofres públicos.

Com o apoio de eventuais parceiros da iniciativa privada, o executivo municipal almeja reduzir os seus gastos com as festividades de virada do ano.

Modelo em análise

A Prefeitura ainda estuda qual será o modelo a ser adotado, mas pensa grande: quer fazer, pela primeira vez, dois dias de festa, e trazer uma atração internacional de renome.

Convém ressaltar que um evento dessa magnitude tende a gerar reflexos positivos em grande parte da economia local, em especial na hotelaria e no comércio.

Nos últimos anos, Fortaleza, inclusive, ganhou relevância no mapa nacional do Réveillon, ficando entre os destinos mais cobiçados do País.



Assuntos Relacionados