Sarto diz que desfiliação de Izolda do PDT não interfere nas relações entre Prefeitura e Estado

Prefeito disse que conversou com a governadora e a agenda de programações das parcerias estão mantidas

Prefeito disse que conversou com a governadora e a agenda de programações das parcerias estão mantidas
Legenda: Prefeito disse que conversou com a governadora e a agenda de programações das parcerias estão mantidas
Foto: Kid Junior

O prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT), disse que a desfiliação da governadora Izolda Cela do seu partido não afetará as relações institucionais entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado. Sarto informou que conversou por telefone com a governadora e ambos reforçaram a parceria institucional e a manutenção dos projetos em andamento na Capital. 

“A população de Fortaleza não tem nada a ver com briga de qualquer que seja. Cada um que defenda seu projeto e a relação institucional está muito preservada. A governadora izolda disse que não há nenhuma alteração na programação estabelecida de parceria do Estado com a Prefeitura de Fortaleza”, destacou o gestor. 

Sarto foi a primeira liderança pedetista a registrar apoio ao ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, como candidato do partido ao Governo do Estado. Na pré-campanha, Roberto disputou a indicação do partido com a governadora. 

O processo levou a um racha no partido e, após ter sido preterida no diretório estadual, Izolda optou por sua desfiliação. 

O racha em nível estadual levou a um rompimento entre PDT e PT e dividiu os aliados entre eles vereadores, prefeitos e deputados. 

Na Câmara Municipal, por exemplo, o vice-líder do governo Sarto, Léo Couto (PSB), anunciou que apoiaria o nome de Elmano de Freitas. 

Segundo o prefeito, entretanto, nada muda em relação às questões municipais.