Fortaleza é o 2º melhor mandante do Brasileirão e ainda não perdeu na capital cearense com Vojvoda

Desempenho em casa é um dos trunfos do Tricolor na excelente campanha realizada na Série A do Campeonato Brasileiro até agora

Vojvoda com a mão na barriga
Legenda: Vojvoda tem feito bom trabalho no Fortaleza
Foto: Thiago Gadelha/SVM

A campanha do Fortaleza na Série A do Campeonato Brasileiro é espetacular. Após dez rodadas disputadas, o Tricolor está na 5ª colocação, com 18 pontos, e muito do bom momento passa pelo desempenho do Leão do Pici atuando em casa. Em pontos conquistados, o Fortaleza é o segundo melhor mandante da competição.

Ao todo, 13 dos 18 pontos foram obtidos atuando na Arena Castelão, após quatro vitórias (Inter, Sport, Chapecoense e América-MG) e um empate (Fluminense). A campanha é a mesma do Palmeiras, mas o Fortaleza fica na frente pois tem mais gols marcados (14 x 11), menos gols sofridos (4 x 5) e melhor saldo (10 x 6).

Em pontos, o time cearense fica atrás apenas do Santos, que conquistou 14 pontos como mandante. Porém, o Peixe tem um jogo a mais, o que faz com que, em termos de aproveitamento, o Fortaleza tenha desempenho até melhor (86,7% x 77,8%).

Invencibilidade com Vojvoda

Vojvoda orienta jogadores na beira do campo
Legenda: Vojvoda tem ótimo aproveitamento no Fortaleza
Foto: Kid Jr/SVM

O bom aproveitamento como mandante é uma das marcas do trabalho do técnico Juan Pablo Vojvoda no Tricolor. Desde que chegou ao clube, o argentino não perdeu nenhum jogo sequer atuando em casa.

Foram nove partidas como mandantes, com oito vitórias e um empate, incluindo jogos do Campeonato Cearense, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Além dos jogos como mandantes, o Fortaleza realizou ainda outras duas partidas na Arena Castelão, ambas contra o Ceará, mas o mando do Clássico-Rei era do rival nas duas ocasiões. O Tricolor venceu os dois jogos.

No total, Vojvoda comandou o Fortaleza em 11 partidas na capital cearense, com nove vitórias e dois empates.

Se o atual Fortaleza é difícil de ser batido, na Arena Castelão, então, nem se fala.