Ceará vai para Sul-Americana pelo 2º ano seguido e disputará Série A pela 5ª vez consecutiva

Fim de Brasileirão frustrou a expectativa do torcedor Alvinegro de ir pra Libertadores, mas com a Sul-Americana, o clube participará de competição internacional novamente em 2022

Jogadores do Ceará perfilados para execução do hino e observando a torcida
Legenda: Ceará vai para o 5º ano seguido na Série A
Foto: Kid Junior/SVM

A temporada do Ceará chegou ao fim na noite desta quinta-feira (9) com a derrota para o Palmeiras, por 1 a 0, na Arena Barueri. E mesmo com os resultados ruins na reta final e sem a classificação para a Pré-Libertadores, o Alvinegro sacramentou duas marcas: vaga para a Copa Sul-Americana pelo 2º ano seguido e, também, disputará a Série A pela 5ª vez consecutiva.

O número de participações em sequência na Primeira Divisão é um recorde de times cearenses desde 2006, quando o Campeonato Brasileiro passou a ser disputado no atual formato, em pontos corridos e com 20 clubes. O Vovô está na elite do futebol nacional desde 2018.

Em 2022, o Ceará terá, também, calendário internacional pela segunda temporada seguida, já que disputou a Copa Sul-Americana em 2021 e estará novamente na competição.

A campanha que o Alvinegro fez no Brasileirão tem o copo meio cheio e meio vazio. 

Meio cheio porque ficou quase todo tempo no meio da tabela, vai para o 5º ano seguido na Série A e o 2º ano seguido na Sul-Americana.

Meio vazio porque poderia ter sido bem melhor com a vaga na Libertadores, se não tivesse fracassado nas duas últimas rodadas

Há bastante o que se repensar para 2022. O Ceará pode mais e não deve se contentar com pouco. Foi isso que Tiago Nunes deixou transparecer no seu discurso e é isso que o torcedor está aguardando.