STF tem quatro votos a favor de enquadrar homofobia como racismo

Luís Roberto Barroso, Celso de Mello, Edson Fachin e Alexandre de Moraes votaram a favor da criminalização da homofobia pelo Judiciário como crime de racismo.