Flexibilidade e fortalecimento

Veja como escolher corretamente o profissional e o estúdio de pilates para cuidar da sua saúde.

PILATES1
Foto: Divulgação

Quem busca a saúde por meio da prática de exercícios físicos pode optar pelo pilates, método em alta nas grandes cidades. Atualmente, é ampla a oferta de profissionais e estúdios dessa modalidade física. Mas como saber que tipo de estabelecimento é o mais adequado para a suas necessidades?

Por volta do ano de 1920, o alemão Joseph Pilates desenvolveu uma série de exercícios físicos que buscam o controle dos músculos do corpo, que podem fortalecer a musculatura e melhorar seu tônus, além de conferir maior flexibilidade a braços, pernas e coluna. Reconhecido como prática física décadas mais tarde, o pilates ganhou adeptos em diversos países e chegou ao Brasil em meados da década de 1980, tornando-se bastante procurado nas grandes cidades. Por conta disso, há uma quantidade crescente de profissionais e estabelecimentos que oferecem esse serviço ao público. Mas como acertar na escolha do estúdio de pilates?

"Existem três pontos importantes: primeiro, é o profissional capacitado (é lei que o professor seja formado em Educação Física ou Fisioterapia), de preferência com especialização em pilates; o segundo, são equipamentos de qualidade, que proporcionem conforto e segurança para a execução dos movimentos; e, por fim, o ambiente limpo e organizado para uma boa aula de pilates. Com esses três pontos, certamente o aluno terá ótimos resultados", orienta Diogo Cardone, Gerente de Marketing da MetaLife Pilates, fabricante de equipamentos e acessórios para pilates.

Ele orienta que, apesar de o pilates ser procurado por pessoas que buscam melhorar a saúde, errar na escolha do estúdio pode trazer consequências negativas. "Quando se opta por um estúdio que não está adequado e com um profissional despreparado, corre-se o risco de agravar o problema físico. Por outro lado, quando se opta por um estúdio adequado, com equipamentos de qualidade e profissionais capacitados, em 30 dias, praticando duas vezes por semana, já é possível notar grandes melhoras no corpo e na mobilidade", diz Diogo Cardone. 

pilates2

Benefícios
Pessoas que sofrem de lesões musculares, dores nas costas, dores de coluna, ou precisam recuperar o movimento em articulações, entre outros problemas, podem se beneficiar com a prática do pilates. "A procura tem crescido muito porque o pilates é bom para tudo e para todos. Trata-se de um método de exercícios físicos e alongamentos que utilizam o peso do próprio corpo na sua execução", esclarece Diogo Cardone. "Além disso, o pilates é também uma técnica de reeducação do movimento que visa trabalhar todo o corpo, trazendo equilíbrio muscular e mental. É indicado para homens e mulheres de todas as idades, inclusive crianças", informa o Gerente de Marketing da MetaLife Pilates.

O método trabalha vários grupos musculares ao mesmo tempo, por meio de movimentos suaves e contínuos, com ênfase na concentração, no fortalecimento e na estabilização dos músculos centrais do corpo (abdômen, coluna e pelve). "Por isso, o pilates mistura força e flexibilidade, ajudando a melhorar a postura, a alongar e a tonificar os músculos sem exageros", observa Diogo Cardone. 

E na busca pelo melhor estúdio de pilates, vale conferir a qualidade dos aparelhos e acessórios utilizados para as aulas. "Bons profissionais jamais irão optar por equipamentos de qualidade baixa. Eles sabem que seu trabalho depende dos equipamentos para a execução correta dos exercícios, segurança de seus alunos, conforto e praticidade no dia a dia", atesta Diogo Cardone.

Benefícios do Pilates:
. Alonga todo o corpo;
. Tonifica e define a musculatura sem exageros;
. Melhora a postura, deixa a coluna mais forte e flexível;
. Tonifica a musculatura profunda do abdômen;
. Previne e recupera lesões;
. Reduz o estresse e alivia as tensões;
. Melhora a área de movimento das articulações;
. Melhora a circulação sanguínea;
. Aumenta a coordenação e o equilíbrio.