Ranking mostra as cidades do Ceará onde a gasolina é mais cara

Entre os locais pesquisados pela ANP, três municípios passam de R$ 7 por litro, na média

Gasolina
Legenda: Gasolina teve leve queda na semana, segundo a ANP
Foto: Fabiane de Paula

O preço médio da gasolina no Ceará caiu quatro centavos, saindo de R$ 6,95 para R$ 6,91, informa o mais novo levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP), realizado na semana passada com 201 postos no Estado.

O menor valor encontrado para o litro foi de R$ 6,49, abaixo da mínima verificada na semana anterior (R$ 6,67). No entanto, o preço máximo manteve-se em R$ 7,49, cotação assinalada em Crateús.

Esse município, inclusive, está entre as cidades cearenses em que o preço médio passa de R$ 7,00. São elas: Itapipoca, Crateús e Limoeiro do Norte.

Na prática, o número deve ser maior, no entanto, a pesquisa da ANP abrange apenas 11 dos 184 municípios do Ceará.

Ranking da gasolina no Ceará

  1. Crato: R$ 6,77
  2. Juazeiro do Norte: R$ 6,78
  3. Quixadá: R$ 6,81
  4. Caucaia: R$ 6,86
  5. Maracanaú: R$ 6,86
  6. Iguatu: R$ 6,88
  7. Fortaleza: R$ 6,93
  8. Sobral: R$ 6,97
  9. Limoeiro do Norte: R$ 7,14
  10. Crateús: R$ 7,16
  11. Itapipoca: R$ 7,18


Ainda não constam no levantamento os possíveis efeitos da redução de 3% no preço da gasolina, anunciada pela Petrobras às distribuidoras na terça-feira passada. O impacto direto nas bombas deve ser percebido nesta semana.

Especialistas, contudo, avaliam que será tímido o reflexo dessa queda para os consumidores, que vêm sendo bombardeados por aumentos desde o início do ano. No Ceará, o litro subiu mais de 50% neste ano.

Preços do GNV, diesel e etanol

O GNV registrou discreta alta na semana passada, chegando a R$ 4,88 por metro cúbico (preço médio) ante R$ 4,86 da semana anterior. Já o litro do diesel ficou estável em R$ 5,73.

O etanol apresentou a baixa mais acentuada e passou de R$ 5,73 para R$ 5,68, apontou a ANP.



Assuntos Relacionados