As lives continuarão? Nomes do axé, forró e sertanejo indicam que sim

Solistas e bandas seguem receita do ano passado e anunciam transmissões temáticas. Sem perspectivas de retorno de shows, saída é repetir experiências

Márcia Felliipe, Taty Girl e Walkyria Santos no palco da live Nossa História
Legenda: A live "Nossa História" uniu 15 vozes do forró eletrônico em transmissão direto de Fortaleza
Foto: Romilson Sales

Ano de 2021 começou com o retorno das lives. As transmissões animaram os fãs de axé, forró, sertanejo e até gospel nos primeiros meses da pandemia do coronavírus - em meados de março de 2020. A cena das pessoas curtindo em casa, com familiares, deve continuar a ser vista nos próximos meses. Diariamente, novos casos de Covid-19 são registrados em algumas regiões. Estados do Nordeste, por exemplo, adotaram toque de recolher e fechamento de espaços públicos às 17h, como no Ceará.

No início de fevereiro, Bell Marques, Claudia Leitte, Daniela Mercury, Ivete Sangalo, Leo Santana, Xanddy Harmonia e Tonny Sales foram alguns dos nomes do axé que limitaram o Carnaval, anualmente celebrado com grande público em Salvador, às salas de estar.

Veja transmissão de "O Trio":

O forró eletrônico também começou o ano das transmissões com uma das lives que marcou na história do gênero nordestino. Ao todo, 15 nomes do forró participaram do show virtual "Nossa História". Em Fortaleza, sob comando de Taty Girl, vozes de 1990 a 2020 formaram diversos duetos. Um destaque do início do show virtual foi a apresentação de uma música inédita dedicada ao protagonismo feminino das forrozeiras. No repertório, sucessos de Márcia Fellipe, Mara Pavanelly, Taty Girl, Paulinha Abelha, Silvânia Aquino, Samyra Show, Mirella Vieira, Walkyria Santos, Gil Mendes, Janaína Alves, Monique Pessoa, Laninha Show, Suzy Navarro, Nenem Cat e da novata Joycé Tayná.

Letras como "Verdadeiro Amor", "Louca", "Amor da Minha Vida", "Planeta de Cores", entre outras, animaram o repertório da transmissão.

Vem por aí

A banda Calcinha Preta programa live para sábado (27). Os fãs podem preparar um fim de semana animado. A banda anunciou a transmissão do "Luau da Calcinha". Bell Oliver, Daniel Diau, Paulinha Abelha e Silvânia Aquino prometem cantar sucessos como "Manchete dos jornais" e "Mágica".

E já tem gente olhando para o mês de março. Quem anunciou a realização de uma live, para o dia 8 do próximo mês, foi o cantor Gusttavo Lima. Em 2020, o sertanejo foi pioneiro no Brasil no quesito transmissão. Em casa, com produção de DVD, ele atingiu números expressivos para internet. A primeira apresentação virtual atingiu 750 mil acessos simultâneos, quebrando um recorde do YouTube.

Gusttavo Lima na live Buteco
Legenda: Sertanejo foi destaque com primeira grande live de 2020
Foto: Reprodução/Facebook

Apesar do retorno das lives em 2021, o desejo de empresários e artistas é a volta de casas e espaços públicos para receber fãs presencialmente. A realização do Carnaval em 2020 segurou financeiramente muitas empresas. Mas a possibilidade de não ter, em mais um ano, o São João deixa bandas de forró, solistas, quadrilheiros, e demais envolvidos no segmento, com o coração na boca.