Verba de reposição das cadeiras da Arena Castelão é destinada para combate à Covid-19

No retorno dos jogos, estádio irá manter capacidade de 52 mil, a mesma de 2019

Imagem da Arena Castelão, em Fortaleza-CE
Legenda: Maior palco esportivo do Ceará, a Arena Castelão deve retomar a capacidade máxima até julho
Foto: Eduardo Queiroz

A verba destinada à ampliação da capacidade da Arena Castelão em 2020 foi transferida para o combate ao novo coronavírus no Ceará. O objetivo da Secretaria de Esporte e Juventude (Sejuv) era deixar o estádio com 63.903 lugares até o início de julho, o máximo permitido no equipamento.

O montante foi utilizado pelo Governo do Estado para compra de insumos médicos e respiradores. Assim, o público no retorno dos jogos será de 52 mil espectadores, o mesmo permitido na última temporada.

A coluna apurou que a licitação da aquisição de novas cadeiras para a arquibancada, aberta em fevereiro, teve contrato assinado. A instalação não ocorreu pois a cotação orçamentária foi direcionada aos materiais de saúde - o valor do documento ainda será divulgado.

Uma das metas da gestão da Pasta, no entanto, é permitir a lotação completa da Arena Castelão. O processo de aquisição dos assentos será finalizado ao término da pandemia, com previsão até primeiros meses de 2021.

Desde a reforma para a Copa do Mundo de 2014, o maior público total registrado na estádio foi entre Ceará x Bahia (final da Copa do Nordeste 2015) e Fortaleza x Juventude (Série C de 2016), ambos com 63.903.

Em janeiro, as diretorias de Vovô e Leão se uniram para auxiliar na manutenção do equipamento. Juntos, acertaram a renovação de quatro mil lugares em investimento de R$ 1,4 milhão.

Em tempo: a redução da capacidade da Arena Castelão foi motivada por falta de manutenção nas arquibancadas. Com o processo de depredação dos assentos, a LuArenas (empresa responsável pela gestão do estádio até novembro de 2018) não se mobilizou para reposição. A Sejuv tenta acordo com a organização para conseguir a receita não destinada às cadeiras na época. A atual ampliação é um esforço único da Pasta.