Marcelo Paz é sondado por clube da Série A para período após fim da gestão no Fortaleza

Presidente do Leão tem mandato até 2021 e despertou interesse no mercado para período após fim da gestão

Legenda: Antes de presidente, Marcelo Paz foi vice-presidente e diretor de futebol do Fortaleza
Foto: arquivo / SVM

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, recebeu sondagem de dois clubes para assumir cargo na diretoria executiva das instituições após fim do mandato no Leão. O contato foi feito por fontes próximas de equipes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro, sem comunicado oficial.

Por compromisso com o clube e pelo trabalho desenvolvido, a resposta de Paz foi de foco no Fortaleza até 2021, ano em que encerra o atual mandato da presidência. No clube, foi também vice-presidente e diretor de futebol em gestões anteriores.

"Eu tenho compromisso com o Fortaleza até o fim de 2021 e não abro mão dele para nada, é um compromisso que assumi com o torcedor”, explica.

O fato é que a procura demonstra o crescimento do futebol cearense e a visibilidade do Leão no cenário nacional. Com 101 anos de história, o Fortaleza atravessa um dos capítulos mais grandiosos do próprio enredo: títulos inéditos da 2ª divisão e da Copa do Nordeste; participação na Sul-Americana e a construção do Centro de Excelência.

Com o trabalho coletivo, Marcelo Paz surge como símbolo maior pela experiência com o mercado da bola, a profissionalização interna, ampliação do contato com o torcedor e a responsabilidade financeira. Tudo para engrandecer um time já grandioso, de massa e centenário.

Paralelo ao cuidado há de se ponderar ainda a ousadia em dois pontos: negociações com o técnico Rogério Ceni, um ídolo do torcedor e que mantém contato direto com Paz, e a profissionalização dos departamentos do time, com remuneração de diretores e investimento em marketing e assessoria.

Em si, movimentos que revolucionaram o clube e o ajudaram a escrever história. O tempo urge até a próxima temporada e o Leão, faminto, se mantém ávido por conquistas e ineditismo. Resta tempo de gestão e feitos para conquistar.

Powered by RedCircle

Chance de Reeleição

Legenda: Marcelo Paz foi um dos protagonistas na negociação com Rogério Ceni
Foto: Natinho Rodrigues / SVM

Marcelo Paz tem vínculo definido com o Fortaleza até 2021. Mas a data pode ser ainda maior: há um impasse sobre a possibilidade ou não de reeleição do dirigente no cargo, uma vez que assumiu após renúncia de Eduardo Girão, em novembro de 2017.

O regimento da equipe impõe que um presidente pode assumir apenas por dois períodos consecutivos, cada um com três anos. Assim, Paz teria concluído um intervalo em 2018 - seguindo Girão - e já estaria no segundo triênio da gestão após ser reeleito no mesmo ano. 

O debate ainda será firmado. O caso é o mesmo de Demétrius Coelho, atual presidente do Conselho Deliberativo que assumiu após uma renúncia e, nas eleições, venceu para seguir no cargo.

O Profut, diferente do regimento do clube, sugere ainda a possibilidade de recondução, diferente de reeleição, ou seja, quando se alcança o cargo de maneira indireta, sem votação. Nesse caso, se houver interpretação de recondução, os dois seriam elegíveis na próxima eleição. O imbróglio segue nos bastidores.



Categorias Relacionadas