Mileide Mihaile fala de queda de cabelo por efeitos da Covid-19

Ela enfrentou a doença durante o natal de 2020

Escrito por Redação,

Zoeira
Mileide Mihaile enfrentou diagnóstico de Covid-19 em dezembro de 2020
Legenda: Mileide Mihaile enfrentou diagnóstico de Covid-19 em dezembro de 2020
Foto: Reprodução/Instagram

A influenciadora digital Mileide Mihaile revelou em publicação nos stories do Instagram, na manhã desta sexta-feira (11), que sofreu com a queda de cabelo por conta da Covid-19. Ela revelou o diagnóstico positivo da doença em dezembro de 2020, em pleno natal

"Meu cabelo já estava em recuperação. Veio o covid e terminou de esbagaçar tudo. Não sei vocês, mas eu tive muita queda de cabelo", declarou a influenciadora em rede social.

No ano passado, após testar positivo para Covid-19, Mileide Mihaile celebrou o Natal isolada no quarto. A digital influencer postou fotos de vestido vermelho ao lado de um boneco de Papai Noel. "Meu parceiro de quarto e noite Natalina!", brincou em mensagem no Instagram.

Queda de cabelos por Covid-19 é reversível

Após a recuperação da Covid-19, alguns sintomas podem persistir. A queda de cabelo é um deles e pode acontecer assim que o paciente recebe o diagnóstico de cura da doença.

“A perda de cabelo não é uma particularidade exclusiva dos casos de covid. Em diversas infecções graves, como a pneumonia, pode ocorrer o mesmo fenômeno entre dois e três meses depois. Entretanto, trabalhos realizados por pesquisadores estrangeiros revelam que, na covid-19, a queda acontece de forma muito mais precoce, sendo percebida de seis a oito semanas depois da doença”, explica a presidente do Departamento de Cabelos da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Fabiane Mulinari Brenner.

SBD orienta que caso haja a queda de cabelo durante diagnóstico da Covid-19, o paciente deve busca um dermatologista
Legenda: SBD orienta que caso haja a queda de cabelo durante diagnóstico da Covid-19, o paciente deve busca um dermatologista

De acordo com pesquisadores de universidades dos Estados Unidos, do México e da Suécia, a queda de cabelo aparece entre os cinco sintomas mais relatados por pacientes após a recuperação da Covid-19. Para chegarem a essa conclusão, eles analisaram dezenas de estudos sobre o tema, envolvendo um total de 48 mil pacientes. Dentre os quadros mais recorrentes, surgiram: fadiga (58%), dor de cabeça (44%), dificuldade de atenção (27%), perda de cabelo (25%) e falta de ar (24%).

“No caso de uma infecção importante, como a covid-19, e de diversas outras doenças, muitos fios vão entrar nessa fase de repouso do crescimento, e os fios só cairão entre dois e três meses após o evento da doença”, conclui Fabiane Mulinari Brenner.

Diante dessa situação  e de quadros semelhantes, recomenda-se procurar o suporte de um dermatologista, que tem condições de fazer um diagnóstico adequado para o problema e prescrever tratamentos para enfrentar o problema, evitando efeitos duradouros.