Com 824 novos óbitos, Brasil segue como 2º do mundo com mais mortes em 24h

No dia da demissão de ministro da Saúde, País acumula 14.817 vítimas e chega a 218.223 contaminados

Legenda: Em Manaus (AM), mais um indígena morre de Covid-19
Foto: Foto: AFP

Com 824 novos registros de mortes adicionados em 24 horas, o Brasil terminou a semana como o segundo país do mundo com o maior número de óbitos em um único dia, atrás apenas dos EUA (1.457 novas vítimas). No acumulado desde o início da pandemia, o Brasil segue em sexto lugar em número total de casos (218.223) e de óbitos confirmados (14.817).

 

Em número de contágios, o Ceará aparece em segundo lugar, com 22.490 casos, atrás apenas de São Paulo (58.378), mas em terceiro em número de falecimentos (1.476), superado pelo Rio de Janeiro (2.438) e SP (4.501). 

Foram 15.305 casos novos incluídos no balanço em 24 horas em todo o País. Nesta sexta-feira, o Ministério da Saúde sofreu mudança de comando, com a saída de Nelson Teich do cargo,  antes de completar um mês, após desentendimento com o presidente Jair Bolsonaro sobre a liberação da cloroquina para pacientes com Covid-19.

O medicamento é alvo de um debate mundial, com a maior parte das pesquisas desencorajando o seu uso devido aos efeitos prejudiciais aos países, sem comprovação científica nem recomendação pela Organização Mundial de Saúde (OMS).


Categorias Relacionadas