Aposentados do INSS terão reajuste de até 10,16% em 2022; veja calendário

Benefício começa a ser pago com novo valor a partir de 25 de janeiro

INSS aposentadoria meu INSS
Legenda: Correção monetária começa a ser paga em 25 de janeiro
Foto: Agência Diário

Aposentados e pensionistas do INSS terão reajuste a partir do próximo ciclo de pagamentos. No caso dos beneficiários que recebem acima do salário mínimo, trata-se de reposição da inflação calculada pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).

O fechamento do índice inflacionário referente a 2021 foi divulgado hoje (11) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e será de 10,16%.

No caso de quem ganha o salário mínimo, o valor foi reajustado para R$ 1.212, acompanhando a alta de 10,02% para todos os brasileiros que recebem a remuneração base.

Os valores com reajuste começam a ser pagos no dia 25 de janeiro para beneficiários com final 1 do NIS (Número de Identificação Social). Os primeiros pagamentos serão destinados aos aposentados que ganham o mínimo.

Já os que recebem acima, conforme o calendário, serão pagos com os valores atualizados a partir de 1º de fevereiro.

VEJA O CALENDÁRIO DO INSS DE JANEIRO (COM REAJUSTE)

BENEFÍCIOS DE UM SALÁRIO MÍNIMO

  • Final NIS 1: 25/1
  • Final NIS 2: 26/1
  • Final NIS 3: 27/1
  • Final NIS 4: 28/1
  • Final NIS 5: 31/1
  • Final NIS 6: 1/2
  • Final NIS 7: 2/2
  • Final NIS 8: 3/2
  • Final NIS 9: 4/2
  • Final NIS 0: 7/2

 

BENEFÍCIOS ACIMA DO SALÁRIO MÍNIMO

  • Final NIS 1 e 6: 1/2
  • Final NIS 2 e 7: 2/2
  • Final NIS 3 e 8: 3/2
  • Final NIS 4 e 9: 4/2
  • Final NIS 5 e 0: 7/2

 

O reajuste influenciará os seguintes benefícios:

  • Aposentadoria
  • Pensão por morte
  • Auxílio-acidente
  • Auxílio-doença
  • Auxílio-reclusão
  • Benefício assistencial
  • Salário-maternidade
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC).


Assuntos Relacionados